BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


quinta-feira, 2 de abril de 2015

Duas Grandes Ameaças em nosso Sistema Solar







Nibiru, Neberu, Hercólubus, Absinto, Planeta X e Elenin, não se refere á apenas um corpo celeste planetário. Esses nomes, se referem a pelo menos 2 corpo planetários,
sendo que um tem um ciclo de mais ou menos 3.600 anos, e o outro um ciclo de aproximadamente 11/12.000 anos. 



Num intervalo de mais ou menos 12.000 anos, eles passam na mesma época, com diferença de só alguns  anos. Nibiru, entrou e passou pelo nossos sistema solar no ano de 2010 / 2013, sentíamos as influências do seu magnetismo, e ainda estamos em parte sob o seu efeito. Nibiru é uma estrela anã marrom, rodeada por planetas ou luas, seu magnetismo, é tão forte quanto uma estrela de Nêutrons.  

Anã branca
Hercólubus já seria um imenso corpo planetário, que pelas recentes observações, não parece obter luas. Esse corpo planetário esta sendo observado desde 2014, ele foi visto próximo do Sol e Saturno.







Até o momento, ainda não se tem dados novos referente a esse imenso corpo planetário. Mas estejamos atentos...

Com um grande intervalo de tempo entre os dois invasores em nosso sistema solar,
os humanos da antiguidade não puderam ter imaginado que na verdade seriam 2, e não 1 corpo planetário destruidor.  Nibiru passou, e devido a alguns fatores de tempo e posicionamento de nosso planeta em relação a ele, não houve maiores consequências. Sentimos sim, as suas influências nas mudanças dos polos magnéticos terrestre, e nos climas atmosféricos e geológicos, mas não nos pegou encheio devido a esses fatores.

Enquanto a esse outro invaso, poderíamos chama-lo de Hercólubus, Absinto, Planeta X ou o nome mais recente, Elenin. Ele seria o destruidor que esta na bíblia ? Bem, se não houver outros fatores que amenize a sua influência em relação ao nosso planeta, sim, ele será o grande destruidor, que levará as grandes extinções de raças e espécies no nosso planeta.

Pesquisadores fizeram cálculo baseados em dados, e em cima desses dados, estipula que a sua maior aproximação e portanto, sua influência, sentiremos no ano de 2019 e a sua saída do nosso sistema solar em 2024. Mesmo que recebemos sua maior influência em 2019, estamos já neste momento recebendo tal influência devido a sua presença no sistema solar.

Ainda estamos sob a influência do magnetismo de Nibiru, essa influência só nos deixará completamente em 2017, mas estamos também recebendo carga magnética desse outro corpo planetário. Veja o que esta acontecendo com o nosso planeta, calor de mais onde só fazia frio, cai neve e granizo onde só fazia calor, chuvas torrenciais nos desertos, onde não caia uma gota sequer de chuva, nevou até no deserto do Egito, ventos e furacões cada vez mais destruidores, terremotos em lugares onde não se tinha nos registros geológicos, as atividades vulcânicas se intensificando cada vez mais. Nas verdade tudo esta ficando cada vez mais intenso.

Tudo esta ficando intenso, incluindo nós. Todos nós estamos recebendo uma alta taxa de magnetismo em nosso cérebro, devido aos dois corpo planetário, e isso tem mexido com o comportamento das pessoas, tanto na questão espiritual quanto na questão sentimental. Muitas pessoas estão fazendo hoje o que jamais pensou em fazer, alguns partem para a violência enquanto outros vão na direção contrária.

Será por isso que nos tempo antigos, antes de haver algumas dessas catástrofes planetária, os humanos, recendo essa influência magnética em seus cérebro, faziam  coisas inimagináveis como na violência e em seus comportamentos?

1º Seminário Transformações da Terra - "Revelando o que ninguém te conta!"



2º Seminário Transformações da Terra - "Revelando o que ninguém te conta!"


O CICLO DE UMA ESTRELA








Total de visualizações de página

Página FaceBook