BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


terça-feira, 19 de maio de 2015

O COMÉRCIO RELIGIOSO DA FÉ






O SISTEMA DA ALIENAÇÃO, SUBMISSÃO, MANIPULAÇÃO, HUMILHAÇÃO, INTIMIDAÇÃO, MEDO, EXTORSÃO E ENGANAÇÃO.

Cada ser humano tem a sua religião. O lugar onde encontra seu Deus, onde se entrega a orações, pedidos, dedicação e caridade.

Hoje em dia, no Brasil, vemos que muitas religiões acabaram sufocando outras e estas por sentirem-se com menos adeptos, abrem mão de muitas atitudes antes condenadas.
Umas exaltam a fé aos gritos e quando passamos por suas calçadas, quase somos levados a força para dentro delas.

Outras começaram a tentar trazer os jovens para tocar; religiosos agora são artistas caros e alegam que todo o seu cachê é transferido para a própria religião.

Uns se acham no direito de não abençoar determinadas espécies de animais, como se qualquer espécie não fosse a imagem de Deus na Natureza.

Outras prometem solucionar seus problemas, à custa de sacrifícios animais e valores altíssimos e outras ainda, mostram claramente, que os filhos que ali estão não estão realmente integrados com sua própria doutrina.

Portas de igrejas e templos, onde mendigos esmolam, nenhum recebe sequer um prato de comida ou um copo de água, para aliviar seus sofrimentos, embora os que ali freqüentem “digam que é a casa de Deus”.

Se é a casa de Deus, tem que ter as portas abertas para todos. Do mais pobre ao mais rico, todos têm o direito de entrar e pedir ajuda ao Senhor, por dias melhores.

Uns cobram valores abusivos, para casamentos, missas individuais, batizados e etc...
Outros, à base de encenação e medo, fazem de seus seguidores pessoas fanáticas, que tiram o dinheiro do próprio pão do dia seguinte, para doar em dízimos.

Há ainda aqueles, que não imaginam que só terão o que merece e pagam fortunas por trabalhos, esquecendo do merecimento de cada um.

Queria expressar a minha opinião a respeito da presença de Deus em nossas vidas.
Não me sinto obrigada a participar de missas, cultos, freqüentar terreiros ou afins, para ter Deus comigo. Não preciso acreditar nos dogmas e nas proibições de nenhum espaço religioso, pois todas essas imposições foram criadas por seres humanos iguais a mim ( com erros e acertos).

Por isso, quando eu quero falar com Deus, eu apenas falo. Seja a onde for, sem orações automáticas e de preferência sem pedidos e mais com agradecimentos.

Basta olhar para os lados e para trás e veremos tantos sofrimentos maiores que os nossos, que só posso agradecer.
Pedir é um ato comum a nós seres humanos, mas esquecemos que nem tudo o que pedimos temos o merecimento de alcançar.

Muitas vezes, temos mais a fazer do que a pedir, mas, para isso, precisamos ter humildade e reconhecimento de nossas falhas e erros. Pois só assim saberemos esperar com paciência o nosso pedido.

Conversem com Deus, quando estiverem sozinhos em um local silencioso, conversem no banho, onde estamos purificando os nossos corpos, quando estamos no campo, podendo observar a majestade da Natureza, quando estamos olhando para o céu cheio de estrelas.
A vida é feita de mudanças e estamos de mudança, de um corpo denso e pesado, da mente subjugada por desejos materiais, inteiramente insatisfeita, para uma vida mais leve, pura, sem inveja, sem egolatria, e principalmente: “Sem Deus"!


por Edite Spiess Psicoterapeuta Holística - edites3@gmail.com



Reportagem auto-explicativa mas, infelizmente negada pelos fiéis cegos e manipulados pelas falsas palavras de falsa fé da Universal... Como eu sempre digo......








Total de visualizações de página

Página FaceBook