BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


domingo, 14 de junho de 2015

O que Sabemos não é tudo que Existe - Parte 131- FOR YOUR EYES ONLY - (Somente Para seus Olhos)



"Quanto mais respostas eu tenho, mais devo perguntar" (Roberto Justus - Grande empresário brasileiro)






A notícia acima, recentemente publicada no Jornal Bournemouth Advertiser, pôs fim a mais uma das farsas que, infelizmente e de quando em vez, campeiam nos assuntos do Realismo Fantástico. A foto de uma criatura horrenda, a qual inclusive teria matado o fotógrafo - objeto de várias reportagens e versões anteriores que correram o mundo, e que supostamente teria sido obtida no interior de uma caverna - causou há alguns anos grande sensação em todos os meios de comunicação em geral, tendo sido inclusive, na época, publicada no nosso Site em uma página anterior. Seu divulgador no estrangeiro, alegou que essa imagem teria sido tomada na Arábia Saudita, país do qual teria retornado de uma viagem. Supostamente a criatura seria um "Djin", uma espécie de demônio islâmico - criatura pertencente a uma raça mítica que habitaria em profundas cavernas. Mas só recentemente essa farsa foi trazida à tona, e por esse motivo nós, que lutamos pela verdade e que sempre nos pautamos pela lisura e pela boa-fé, não poderíamos deixar de levar este fato ao seu conhecimento.


Na verdade, trata-se de uma escultura, uma das muitas atrações do Cheddar Showcaves & George, situado em Somerset - Inglaterra. Ali estão expostas à visitação pública diversas dessas esculturas, sempre na escuridão das suas cavernas e representando seres míticos, tais como dragões, demônios, gnomos, duendes, e assim por diante - todas elas criadas pelo artista Richard Pavey. Na foto, um funcionário daquela empresa de atrações exibe o tal "Djin", objeto da fraude em questão. É muito triste, extremamente lamentável, que tais coisas ainda ocorram, obviamente obras de desocupados, beócios e engraçadinhos, aliás os mesmos que lançam chapéus para o ar e os fotografam como se fossem UFOs, os quais podem até estar dotados de escusos objetivos, além dos mais obscuros interesses em desmoralizar o tema - coisas que, de fato, existem. Contudo, sempre que soubermos de algo semelhante, seremos os primeiros a aqui denunciar - doa a quem doer. Essa notícia, porém, muito nos alegra pelo fato de ter sido gentilmente enviada por um dos nossos milhares de estimados visitantes, uma vez que toda crítica construtiva, séria, será sempre bem-vinda e a acolheremos de bom grado - bem ao contrário dos deboches dos recalcados; das sandices e das ameaças proferidas pelos fanáticos de todo tipo; dos céticos de plantão que se recusam a admitir o óbvio e, notadamente, dos atuais adeptos da "Teoria da Terra plana e como centro absoluto do Universo", os quais às vezes pensam que nos ofendem com seus desaforados e desrespeitosos emails os quais (e evidentemente) nem merecem a nossa resposta. O que nos fortalece é que de cada 100 elogios e gentis palavras de estímulo que recebemos, apenas UMA sandice nos chega. Isso é o bastante, e por extensão prova que a esmagadora maioria é composta por pessoas inteligentes, as quais não mais aceitam ser enganadas. Saiba que não só do Brasil, como também de todos os países do globo, diariamente nos chegam fotos, fatos e notícias, valiosas colaborações dos nossos estimados amigos visitantes, para os quais, carinhosa e desinteressadamente, dedicamos este nosso modesto trabalho em busca da verdade. Visitando este Site, constantemente atualizado, você sempre estará - de forma destemida, honesta e sobretudo corajosa - bem informado com respeito a tudo aquilo que acontece, não só no campo do Realismo Fantástico, como também com relação à crítica social quando necessário, e às mais recentes descobertas arqueológicas e científicas. Obrigado pelo seu valioso prestígio. VOCÊ, prezado amigo que fielmente nos acompanha, é a razão primordial da existência deste Site.


Abençoados, portanto, sejam os olhos que conseguem ver! À semelhança dos documentos secretos dos órgãos governamentais e de segurança de todo o mundo, o rótulo "For Your Eyes Only" identifica documentos que somente podem ser vistos por pessoal devidamente qualificado. Assim é este nosso Site, feito exclusivamente para quem é inteligente, entende e consegue ver. Contudo - apesar dos erros que eventual e involuntariamente possam ocorrer - o fantástico, o real e o inexplicável batem mesmo à nossa porta! Então, vamos em frente: Novo México, EUA, ainda nas proximidades do local do acidente com o UFO em 1947 - episódio conhecido como "O Caso Roswell" - Tente descobrir o quê há de estranho nesta montanha, aliás popularmente chamada de "A Montanha do Alien".....


.... Aparentemente nada.... A não ser o bizarro rosto que nela se acha esculpido! Veja os detalhes no negativo, à direita.


E também nos EUA - precisamente em um local denominado Yucca, Nevada - essa curiosa formação rochosa é também conhecida como "A Montanha dos Aliens". Talvez pelo fato de conter não só as antigas imagens de um bizarro rosto (direita) como, logo ao seu lado, aquilo que lembra uma grande fileira de personagens desconhecidos. Pode ser que sim, pode ser que não - mas que é bastante estranho e inusitado, lá isso é!


E talvez essas montanhas recebam essa denominação pelo simples fato de os UFOs nutrirem uma tipo muito especial de predileção em sobrevoar todas aquelas que trazem, desde um passado remotíssimo e desconhecido, essas curiosas esculturas - não só bizarras imagens estampadas, como também gigantes em pedras cujos rostos se voltam para o céu! E o grande mistério disso tudo reside no fato de que as antigas civilizações - isto é, as conhecidas pela nossa História tradicional - não terem tido tecnologia suficiente para esculpir montanhas inteiras. Até porque, mesmo hoje em dia, tal tarefa demandaria na utilização de explosivos, raios laser, maquinárias apropriadas e assim por diante. Muito evidentemente, podemos pensar em desaparecidas culturas (ou quem sabe algumas outras de natureza "externa") muito anteriores a elas, as quais certamente dispuseram de elevados conhecimentos como, notadamente, dos necessários recursos tecnológicos para realizar tais tipos de proezas.


Advindas sem qualquer dúvida de um passado muito remoto e esquecido, muitas outras estranhas imagens estão gravadas nas nossas rochas. Essa aí da foto, por exemplo, está situada no Estado norte-americano de Utah. Que tipo de mensagem tudo isso nos transmitiria?


Quem sabe as recordações das visitas de seres de outros mundos? Algumas coisas bastante insólitas claramente nos indicariam que SIM! Eis um exemplo: o nome é Annunaki. Repare nos curiosos detalhes desse mural em relevo, retratando uma antiga "divindade" da tradição mesopotâmica......


.... E de imediato comprovará no seu negativo que a tal "divindade" não tem rosto..... Pelo simples fato de usar um CAPACETE, até mesmo dotado de um tubo respirador! Obviamente o antigo artista jamais poderia ter inventado uma coisa dessas!


Assim como não poderia ter inventado o simbolismo do Disco Alado, igualmente adotado no Antigo Egito e através do qual essa tal "divindade" teria chegado.


Outra forma de representação de Annunaki. Note-se os evidentes simbolismos das asas, bem como o da cabeça de pássaro, os quais logicamente sugerem a característica de voar! Muito possivelmente, Annunaki poderia ter sido o nome que, ao contrário de personificar apenas uma única entidade, poderia ter significado UMA RAÇA DE EXPLORADORES, COLONIZADORES OU REFUGIADOS ESPACIAIS!


E não é mesmo surpreendente que na antiga Mesopotâmia essa mesma "divindade" fosse representada tal e qual o deus-chacal egípcio Anúbis, o Senhor do Oeste e guardião dos mortos?


Da mesma forma que um outro antigo artista da Mesopotâmia retratou essa bizarra criatura - que, segundo pensam alguns pesquisadores, seria mais uma "divindade" possivelmente pertencente a uma extinta raça de criaturas alienígenas reptilianas, quem sabe os tais Annunakis!


Aqui, uma outra escultura igualmente retratando uma daquelas criaturas, que, muito possivelmente pelo fato de ter sido reverenciada pelos antigos povos, usa até mesmo uma coroa à cabeça! Há outras imagens (aliás já mostradas neste Site) que claramente sugerem ter havido uma tentativa de miscegenação dessas bizarras criaturas com a raça humana!


Hoje, assim é o desolado Marte. A própria NASA já reconhece que em tempos muito remotos ali existiu vida, banhada por uma generosa atmosfera, rios, lagos e mares, tendo muito possivelmente sido um planeta habitado por avançada civilização. Um dia a Terra também será assim, morta e desolada - justamente quando o nosso Sol, cumprindo o destino de toda estrela, começar a aumentar de intensidade para logo depois se apagar e morrer. Tudo, então, será inapelavelmente crestado, e forçosamente teremos que abandonar a nossa velha morada buscando refúgio em outros corpos celestes mais adequados e propícios. Se eventualmente os nossos descendentes chegarem a um mundo primitivo com as suas avançadas espaçonaves, seus atrasados habitantes logicamente não os reverenciarão como "deuses"?


Marte, porém, ainda nos propõe enigmas, parecendo que não está de todo morto. Algumas coisas sobraram da velha catástrofe que o aniquilou. Veja só o que está apontado pela seta - ao que parece curiosamente espreitando um módulo da NASA pousado no seu avermelhado solo.....


.... Uma "simpatia", não? E eles ainda classificaram essa coisa como "uma simples ilusão de ótica". E você, Prezado Visitante, concordaria mesmo com isso, examinando, acima, a respectiva ampliação? Já está provado que o Oxigênio NÃO é o elemento primordial para o surgimento e a manutenção da vida. Na verdade, os técnicos e cientistas da própria NASA descobriram que a ÁGUA, sim, é este elemento primordial. Onde quer que ela exista, mesmo sob a forma de gelo como é o caso de Marte, bactérias podem permanecer latentes ad infinitum, esperando apenas o momento de ressuscitar e se desenvolver, ao passo que outras formas de vida, inteiramente bizarras e desconhecidas, poderiam plenamente sobreviver, evoluindo sem quaisquer problemas!


Quer um exemplo típico? Esta ilustração (NASA) nos mostra a Surveyor, sonda exploratória norte-americana que esteve estacionada no solo da Lua.....


..... 35 meses depois da sua chegada, a nave tripulada Apollo-12 tocou o solo lunar e o seu astronauta (foto) recolheu uma pequena parte da Surveyor, levando-a de volta à Terra. Para total surpresa dos cientistas da NASA, aquele pedaço que permaneceu tantos meses em um ambiente teoricamente hostil - sem oxigênio, empoeirado e crestado pela luz solar - apresentava alguns micróbios fossilizados. Quando colocados na água, espantosamente esses micróbios voltaram à vida! De onde teriam vindo?A resposta foi surpreendente: um técnico da NASA que manipulou o módulo Surveyor antes da sua partida, confessou (uma falha, por sinal, inadmissível) que inadvertidamente espirrara sobre a sua superfície, tendo um pouco da sua secreção nasal ficado agregado ao corpo do módulo, levando assim para a Lua alguns dos micróbios terrestres expelidos!


E se ainda existem rudimentares resquícios de vida em Marte, o quê poderia ter existido de fabuloso outrora? "Eles", mesmo diante das mais gritantes evidências, ainda dizem que isso aí - também no solo marciano e ocupando uma vasta área - são "dunas". Quê você acha?


Quer queiram os céticos, ou não, coisas estranhas, muito perturbadoras, realmente existem - e os exemplos disso estão espalhados por todas as partes, não só do incomensurável Universo como também do nosso pequeno mundo. Na foto, você vê o corpo muito bem preservado de uma criatura não-identificada, sigilosamente guardado nos porões de um museu. De onde teriam vindo essas coisas? Se atentarmos para o fato de que miríades de asteróides têm atingido a Terra há milênios, muitos deles contendo microrganismos fossilizados esperando apenas o contato com a água e demais condições favoráveis para voltarem à vida e se desenvolverem, teríamos então a espantosa resposta para essas coisas misteriosas que por vezes furtivamente circulam pelo nosso planeta, fazendo a alegria dos adeptos da Criptozoologia (FOTO: Roadsideamerica).


A VIDA é uma condição matemática do Universo, não adianta mais negar. Se estranhas criaturas que ainda circulam no solo marciano são meras "ilusões", que tal mais essa sutilíssima "ilusão de ótica", recentemente surgida no solo da Inglaterra? Este impressionante e além de tudo gigantesco Crop Circle nitidamente nos mostra..... Espaçonaves. E ainda por cima sugere, através dos círculos que deixam atrás de si, que elas estão se deslocando! Não é mesmo surpreendente? Como de fato! Isso prova - e claramente atesta - que, apesar de todos os nossos avanços tecnológicos e científicos, somos meros aprendizes. Muito pouco, ou talvez NADA, sabemos. E mais ainda, nos ensinaria a ser humildes: jamais negar aquilo que se desconhece, uma vez que - sem qualquer dúvida - para cada resposta que temos, muitas outras intrigantes perguntas sempre haverão maravilhosamente de surgir!






Total de visualizações de página

Página FaceBook