BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


quinta-feira, 4 de junho de 2015

O que Sabemos não é tudo que Existe - Parte 112- FATOR ALIEN!






"Representantes de todos os cultos admitiram que o homem terrestre não pode ser um exemplo único do Gênio de Deus. Visto que Este último semeou uma poeira de mundos no Universo, Ele igualmente gerou vida por todos os lados" (Maurice Santos)




A estonteante beleza do maravilhoso Universo, dentro do qual vivemos e nos movemos, é verdadeiramente sublime e incontestavelmente dotada de Divina Natureza. À esquerda, vemos a foto da Nebulosa Eskimo (com o seu belo formato semelhante a um diamante) e ao seu lado o aglomerado estelar RCW38.


Fotografia da Nebulosa MZ3, também lembrando o formato de diamantes.


Aqui a nebulosa IC418, cujo formato faz lembrar o de uma célula. (FOTOS: NASA, por especial cortesia do nosso visitante Roberto J. Moreira)


E em julho de 2003, cientistas australianos liderados pelo Dr. Simon Driver, da Universidade Nacional da Austrália, se deram ao trabalho de calcular quantos grãos de areia existem em todo o nosso planeta (tanto na superfície, quanto nos desertos e nos fundo dos oceanos), tendo chegado a um resultado verdadeiramente surpreendente. Contudo, também se deram ao trabalho de, através do mais completo inventário celeste até hoje produzido, comparativamente mensurar quantas estrelas existem em todo o Universo e chegaram a resultados ainda mais surpreendentes, levando-os a afirmarem que no espaço sideral existem - e isso por cerca de DEZ VEZES - muito mais estrelas do que a totalidade dos grãos de areia existentes no nosso mundo! Mais precisamente (e somente no Universo visível, isto é, aquele que é alcançado pelos mais potentes telescópios) cerca de 70 SEXTILHÕES de estrelas, ou ainda algo equivalente a 7 seguido de 22 zeros! (Na foto, Antares)


O BIG BANG, a grande explosão até agora admitida como tendo dado origem ao Universo (acima na maravilhosa concepção do artista Kerry Mitchell ©), já é contestada pela Ciência de Vanguarda. Novas evidências permitem concluir que o Big Bang teria sido somente um "momento de colapso" , ou INTERVALO, seguido por uma nova expansão. Recentes teorias sugerem que anteriormente a ela existira algo chamado "vazio instável", um conceito altamente complexo e que chega a invadir o campo da Filosofia. Esse "vazio" era pré-existente, sendo o Universo ETERNO. E após a pausa, ou "colapso", dera origem a uma fase de expansão. Segundo os cientistas, dentre eles o notável físico brasileiro Dr. Mario Novello, daqui a 15 anos ocorrerá um consenso sobre o destino do Universo, se ele irá se expandir para sempre ou se, daqui a bilhões de anos, entrará em nova fase de colapso. Mas que chocante revelação! Há incontáveis milênios era EXATAMENTE ISSO que as antigas Filosofias Espiritualistas orientais, bem como todas as Escolas de Mistérios (notadamente no Egito) ensinavam e somente agora, em pleno e tão decantado Século XXI, a Ciência veio a redescobrir!


Deus é Mente, é LUZ! Todo o Universo é Mental! As estrelas seriam algo assim como neurônios de uma Mente Maravilhosa, dentro da qual promovemos as nossas fugazes existências! Segundo as crenças espiritualistas, Deus, ou a Divina Mente, apesar de Perfeito sonharia com uma perfeição maior ainda. E nos seus sonhos indescritíveis e Sublimes visualizou miríades de mundos habitados pelas mais exóticas criaturas. Saturada de Amor, essa Mente Maravilhosa expandiu-se, dando origem a todos os Universos, após o que, durante um certo período que duraria bilhões de anos, entrará em fase de meditação, voltando a residir no Interior de Si Mesma, no Absoluto, vindo assim a aprender por um processo de delegação com as experiências evolutivas de todos os seres sensíveis por Ela criados! E então, mais uma vez, voltará a se expandir, abrindo um outro ciclo e dando forma sensível a novos e muito promissores Universos! Especulações filosóficas como esta (por sinal não destituídas de relevância) à parte, trata-se de algo que, em outras palavras, espantosamente COINCIDE com o que a Ciência de Vanguarda hoje redescobre: o Universo passa por ciclos de expansão e contração, quando - após um mistério que pode ser chamado de "ponto zero do inifinito", "contração, ou pausa" - retomará um novo processo de expansão. A pergunta, pois, é: - COMO as antigas civilizações, por sinal muito mais evoluídas espiritualmente do que a nossa, souberam disso? QUEM transmitiu a elas este elevado conhecimento de natureza estritamente científica?


E nesta foto AFP/NASA, você vê, na parte superior esquerda, um losango que assinala uma pequena porção do Aglomerado Estelar M22 - situado na Constelação de Sagitarius - e na parte maior da imagem uma ampliação das miríades de estrelas contidas apenas naquela região! E agora perguntamos a Você, Prezado Visitante: - Honestamente e de sã consciência, você acreditaria naquilo que alguns egocentristas e vaidosos (até mesmo alguns que se intitulam cientistas e astrônomos) afirmam de que a Terra (um mísero planeta que orbita em torno de uma estrela anã de quinta grandeza) seria o único planeta a sustentar a vida em toda essa esplendorosa e desconhecida imensidão? E creia que certamente bilhões dessas estrelas devem possuir seus sistemas planetários, abrigando civilizações muito mais antigas e evoluídas do que a nossa.


E muito mais certamente ainda, creia nas evidências de que algumas dessas civilizações já dominaram, talvez há milênios sem conta, as técnicas destinadas às viagens espaciais - seja através dos meandros do tempo ou das múltiplas dimensões universais que, por sinal, a nossa verdadeira Ciência já admite existir, todas alcançadas por intermédio de fantásticos atalhos, ou dobras espaciais, muito provavelmente originadas pelos chamados "buracos negros", nascidos de implosões, ou ainda de explosões estelares tais como aquela vista na seqüência de fotos acima!


E portanto NADA impede que o nosso planeta tenha sido - e que ainda seja - visitado por criaturas originárias de outros mundos. Essa antiga pintura medieval, alusiva à crucificação de Jesus Cristo, nos mostra, à direita, um detalhe ampliado que revela algo verdadeiramente surpreendente: nada menos que dois UFOs se movimentando no céu! O antigo artista, obviamente, sabia muito bem a respeito daquilo que veladamente estava transmitindo à posteridade.....


...... Pois, assim como nos velhos tempos, hoje em dia - e mediante as mais modernas técnicas de fotografias - podemos admirá-los ainda em operação.... Aqui no nosso planeta e até mesmo fora dele! Essa impressionante foto, tomada pela própria NASA, nos mostra um enorme e bastante nítido UFO aproximando-se da superfície da Lua!!! Como negar uma evidência tão gritante quanto essa?


Mais impressionante ainda é esta outra foto, de procedência ignorada, mostrando um feto dos supostos alienígenas da espécie "gray", ou "cinza"- o tipo de tripulantes de UFOs que mais assola o nosso planeta. É possível que se trate de um fruto das suas obscuras experiências genéticas, às quais as mulheres terrestres têm sido involuntariamente submetidas, servindo como suportes para gerar essas aberrações - exatamente para SALVAR A ESPÉCIE DELES!


E essas "coisas" são inseminadas à força e posteriormente retiradas dos ventres das mulheres terrestres, mediante um segundo seqüestro e mantidas em inúmeros tanques incubadores nos interiores das naves dos intrusos "grays"! A ilustração acima nos mostra a experiência sofrida por uma dessas mulheres seqüestradas, a qual teve a oportunidade de visitar uma "nave incubadora", repleta desses tanques contendo os fetos de centenas de criaturas híbridas em fase de desenvolvimento extracorpóreo - uma horrível e além de tudo monstruosa mistura da NOSSA raça com a deles!


E até mesmo recebemos alguns "recados" vindos de algures! Aqui, uma nova visão de outro espantoso Crop Circle surgido na Inglaterra, mostrando em primeiro plano a enorme face de um alien e, logo atrás, uma espécie de mensagem - codificada através de misteriosos símbolos e ainda não decifrada pelos cientistas - os quais suspeitam tratar-se de uma repreentação da estrutura do DNA da raça alienígena que a enviou!


Sim, muitas raças nos visitam desde muito tempo. E obviamente são muitas as intenções! E algumas dessas raças vêm mesmo de muito longe! Haveria uma espécie de alienígenas, composta, não por seres humanóides, porém por HUMANOS iguais a nós, que segundo os contatados e alguns Ufólogos seria proveniente de Plêiades. Seriam seres benevolentes e as suas naves teriam formatos diferentes, conforme mostrado na ilustração acima, originária do controvertido caso Billy Meier.


E não só as visitas, como também a PRESENÇA dessas muitas raças no nosso planeta é notoriamente conhecida pelos órgãos militares de segurança, de inteligência e de informações das grandes potências mundiais! E até mesmo existem catálogos ultra-secretos especificando-as e assinalando as suas origens! Como curiosidade bastante reveladora, veja ao lado da tipologia "NEONATES", contida no catálogo acima, as palavras "NÓRDICA/ AGHARTIANA". E palavra "NÓRDICA", alusiva a uma curiosa espécie de tripulantes de UFOs digamos bastante "humana", alta, dotada de cabelos louros e olhos azuis, não nos faria lembrar da base subterrânea NEU-SCHWABENLAND, fundada na Antártida, Pólo Sul, durante a Segunda Guerra Mundial mediante aliança entre os nazistas e uma certa raça alienígena e para onde, aliás, foram secretamente levados antes do término daquele conflito todos os Discos Voadores em fase desenvolvimento pelo Terceiro Reich?


Mais detalhes de algumas espécies catalogadas. Note-se que até mesmo existem "marcianos"; os "reptilianos subterrâneos"; "híbridos/espécies misturadas"; "Filhos da Luz"; e os "filhos da escuridão"!!!


Quer neguem, ou quer queiram ou não os setores contrariados e os eternos negadores, os testemunhos advindos de todas as partes do mundo variam. Porém a tônica é válida e sempre recorrente: não estamos sós! Todo o Universo pulula de vida! Nós, o chamado Homo sapiens sapiens , não somos de maneira alguma a obra-prima e exclusiva da maravilhosa Criação de Deus!


E os testemunhos dessas visitas de outros seres inteligentes espalhados pelo Cosmo Infinito são bem mais antigos do que se pensa, uma vez que até mesmo o chamado "homem das cavernas" já retratava nas eternas rochas - e de maneira bastante nítida - as inusitadas presenças desses visitantes de outros mundos! A foto acima é recente e foi tomada por arqueólogos em uma caverna pré-histórica, situada em Utah, EUA.







Total de visualizações de página

Página FaceBook