BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


terça-feira, 20 de outubro de 2015

O que Sabemos não é tudo que Existe - Parte 204 ONDA DE LUZ, DIREÇÃO DO TEMPO





"Os Discos Voadores são máquinas, embora pareça que pulsem como seres viventes; é maravilhoso vê-los desfilar no espaço reduzindo e aumentando a luz verde que emitem, num movimento oscilante de sístole e diástole, como um coração vibrante de vida. 

Enquanto descem no Cosmo parece que respiram e, nessa fisiológica função, encontram a energia necessária à sua dinâmica" (Quixe Cardinale - DE VOLTA ÀS CIVILIZAÇÕES PERDIDAS)




Sim, e desde um longo tempo, desde o mais remoto passado terrestre, algumas dessas máquinas simplesmente vigiam, simplesmente guardam e velam. Vigilantes silenciosos! Nessa foto, sobre a torre da Igreja de Todos os Santos, na cidade de Driffield, um belo e muito luminoso UFO se fazia presente.


A História desconhecida da Terra é verdadeiramente muito mais remota do que nos ensinam os tradicionais tratados - e, por via de conseqüência, a trajetória humana igualmente acompanhou este longo processo. Na foto acima, uma prova disso: - o fóssil de uma grande mão cuja idade foi confirmada em 130 MILHÕES DE ANOS - quando, apenas e teoricamente, o homem ainda não existia sobre a face deste planeta!


Nada, portanto, impede que aqui tenham chegado seres provenientes dos mais distantes mundos do Universo, e muito provavelmente que algumas deles não apenas nos visitassem, mas, que também aqui tenham estabelecidos as suas colônias, as suas cidades - enfim, tenham prosperado e desaparecido com o decorrer do tempo. Na foto acima, antigos artistas da Austrália, nos remotos tempos pré-históricos, retrataram as imagens de estranhos seres, tendo logo acima deles, no espaço, no que seria o céu, um objeto que, de pronto, lembra o formato de um UFO - muito embora os arqueólogos tradicionalistas sustentem que se trata de um.... "peixe"!


Porém, tudo prova exatamente o contrário. Por todas as partes do mundo os antigos murais, as esculturas, como também os mais velhos Registros e as Tradições nos relatam a existência de um passado glorioso e lamentavelmente perdido - altamente tecnológico, onde as viagens pelo céu, a existência de maquinários e de prodigiosas, além das extremamente avançadas culturas que nos antecederam. Na foto acima, nas ruínas maias de Quiriguá, Guatemala, a clara representação de um personagem - aliás uma "divindade" - pilotando um nave com o formato de um disco. Note-se as suas mãos no controle de uma espécie de manche, tal como aqueles que hoje utilizamos nos nossos modernos aviões!.....


,,,, E comprove nos detalhes, agora mostrados no correspondente negativo. Que extraordinária perfeição de detalhes!


Assim, não devemos duvidar das Antigas Tradições, as quais nos relatam que há muitos milhares de anos uma civilização advinda de UMA OUTRA GALÁXIA fundou aqui na Terra o prodigioso Continente da Atlântida, o qual, há cerca de 12 mil anos passados, sucumbiu em meio a uma catástrofe ainda não identificada que veio a causar a sua total submersão nas águas do Oceano Atlântico. Acima, você uma paisagem situada nos Açores - segundo as Tradições, uma parte daquele perdido continente. Podemos ver algo relevante nela?......


SIM, claro. Constatemos, então, na ampliação de detalhe, uma curiosa escultura elaborada em uma alta montanha - uma espécie de sentinela ou guardião que fita as distantes águas do Oceano Atlântico, precisamente lá onde se situava a perdida pátria-mãe. Tem lógica, uma vez que essas mesmas Antigas Tradições nos dizem que o submerso continente atlante deixou as suas colônias espalhadas por várias regiões da terra.


Mas, foi no Antigo Egito, porém, que se situava a mais importante de todas as colônias, a qual veio a dar abrigo aos sobreviventes da catástrofe que impiedosamente destruiu a Atlântida! E as pirâmides, notadamente a figura da Esfinge, são as marcas muito antigas dessa afiliação! Reza a Tradição que mediante aquela tragédia, "Os filhos ficaram sem o pai", tendo, pois, que recomeçar tudo de novo. Alguns voltaram aos seus mundos de origem, ao passo que alguns outros, voluntariamente resolveram ficar na Terra. Os seus antigos sábios, então, resolveram deixar para a posteridade alguns avisos, como também uma grave advertência, guardados em TRÊS CÁPSULAS O TEMPO. ou AS CÂMARAS DOS REGISTROS, onde guardaram exemplos da sua tecnologia, o resumo dos seus conhecimentos, como também os seus registros históricos - tudo para ser devidamente descoberto quando os tempos se fizerem propícios e as futuras humanidades estiverem devidamente preparadas para receber e assimilar tais revelações. A Atlântida, lembremos, caiu pelo mal uso da Ciência, exatamente e tal como, metaforicamente, nos dizem os atuais livros religiosos e sagrados: - "Pelo abuso dos frutos da árvore da Ciência do bem e do Mal"!


A História é cíclica, sempre se repete. Cabe, então, aos homens, através do Livre Arbítrio de que dispõem, transformá-la ou então, ainda um vez, perigosamente revivê-la..... Até que a grande lição seja finalmente aprendida! Os Antigos Sábios e os mais Elevados Mestres do passado, sabiam que o mundo, mais uma vez, seria chamado a SE TORNAR UMA NOVA ATLÂNTIDA, um crucial momento de escolha que é exatamente representado pela ÉPOCA ATUAL EM QUE VIVEMOS! Acima, você vê a foto da tradicional Oglethorpe University, situada em ATLANTA, Georgia, EUA, aquela que, REVIVENDO ALGO QUE OCORREU NO NOSSO MAIS DISTANTE PASSADO, se tornou uma das pioneira na iniciativa de guardar para as humanidades futuras - se é que haverá futuro - todos os registros daquilo que foi a nossa civilização.


"Uma Cápsula do Tempo Enterrada sob a Feira Mundial" - estampou a reportagem dessa antiga revista, datada do distante ano de 1938, mostrando uma Cápsula do Tempo sob uma feira mundial, colocada pelas indústrias Westinghouse. Contudo, tratou-se também de uma outra fortaleza profundamente enterrada, assim como aquela, porém muito maior e mais completa, elaborada no mesmo ano pela Oglethorpe University - precisamente sob a biblioteca daquela Universidade - resguardada por sólidas paredes de rocha bruta e selada por uma fortíssima porta de aço inoxidável com as dimensões de 127 por 381 centímetros, com as suas paredes e tetos revestidos de porcelana vitrificada. Em suma, algo tão poderosamente preservado que nem mesmo quaisquer cataclismos ou sequer as guerras nucleares poderão destruir! (FONTE: Popular Science)


"Preservando a Cripta da Civilização" - diz a chamada do texto. A grande cápsula de ATLANTA, da Oglethorpe University, (seria semelhança este nome ou mera coincidência com o nome ATLÂNTIDA?) está provida com um fantástico "Museu do Tempo", que virá a reservar aos arqueólogos do Ano Domini 8.113 um quadro realista e bastante explícito daquilo que o homem do nosso remoto Século XX conseguiu realizar durante a sua breve trajetória neste mundo. (FONTE: Popular Science)


"Nossa História em uma Tumba" - Sim, em uma tumba que contém toda essência da nossa cultura, Ciência e tecnologia disponível até os anos 1938/1940 - rumo ao futuro e totalmente a salvo de quaisquer pilhagens ou vandalismos! (FONTE: Popular Science)


Essa engenhosa "Máquina do Tempo", talvez com uma razão muito justificada construida sob formato PIRAMIDAL, atravessará milhares de gerações em direção aos nebulosos meandros do futuro, contendo, na sua porta blindada - se acaso acidentalmente descoberta antes do tempo (o que será difícil) - instruções no sentido de não ser violada e somente ser aberta no distante ano 8113. (FONTE: Popular Science)


A escolha do ano 8113 para a abertura da Cápsula do Tempo não representou uma atitude meramente aleatória dos seus idealizadores. O cientista Dr. Thornwell Jacobs desejou estipular uma data que tivesse alguma ligação com a imensa sabedoria de um remoto passado. Para isso, adicionou o número 6.177 ao ano corrente, 1936, obtendo assim o total de 8113. Este número 6177, por sua vez, fora obtido a partir de 4.241 anos ANTES DE CRISTO, numa justa homenagem aos Antigos Egípcios que instituíram o primeiro calendário. E foi, justamente por essa razão, que a mais antiga de todas as Fraternidades da Terra, Os Rosacruzes, cuja origem remonta àquela velha civilização, foi convidada pelo arquivista da Oglethorpe University, o DR. T. K. Petters, a colocar naquela cripta do tempo uma mensagem para o futuro, contendo a essência das suas Doutrinas e Ensinamentos, das Artes e da sua elevada Ciência Esotérica! (IMAGEM: Ancient and Mystical Order Rosae Crucis)


E assim foi feito! Cerca de 320 mil páginas do Sagrado Conhecimento Rosacruz foram cuidadosamente microfilmadas, reduzidas a um pequeno tamanho (2,5 por 4 centímetros) e colocadas em 50 cápsulas de aço inox, revestidas de asbesto vitrificado, após terem sido seladas, despressurizadas e preenchidas com uma substância gasosa inerte de modo que ficassem assim devidamente conservadas até o infinito! Na foto acima, a última imagem da Cripta do Tempo antes de, e logo após uma comovente cerimônia, ser definitivamente selada e assim começar a sua longa viagem através do tempo. Note-se, como uma última homenagem, os hieróglifos egípcios apostos na parede ao fundo. (FOTO: Rosicrucian Digest)


Tudo faz sentido, o mais amplo sentido! Aqui, a imagem do interior de um Sagrado Templo Rosacruz - uma réplica do mundo, da Terra e do Céu. Aqui, o local em que desde as mais remotas eras, aqueles que foram os seus mais elevados e autênticos Mestres, os verdadeiramente tocados pela Luz, transmitiam aos devidamente preparados, toda a grande e imorredoura sabedoria das eras pretéritas, guardada através dos tempos pelos mais puros Ministros do Amor. Um conhecimento que, para o próprio bem da humanidade, jamais poderia cair nas mãos e sob o domínio de mentes erradas. Um Conhecimento Maior cuja consecução final ainda é esperada. Mistérios são mistérios - a Luz somente para os escolhidos, uma vez que NINGUÉM É SEM NUNCA ANTES TER SIDO! Nada terá sido por mero acaso! Uma transmissão que pacientemente passa por sucessivas gerações e gerações, construindo assim e pouco a pouco os alicerces da humanidade iluminada e finalmente redimida do amanhã - através do retorno cíclico dos seus membros, encarnação após encarnação, sob a égide do Sagrado Triângulo cujo vértice mira o Espírito e cujas pontas significam a Luz, a Vida e o Amor - a fortaleza para aqueles cujo número é mantido, desde sempre, INTENCIONALMENTE CONSTANTE!


Quase tudo já pode ser dito! A origem atual da Ordem, sendo, no entanto, muito mais antiga do que isso (na verdade advinda desde a Perdida Atlântida), remonta aos tempos da XVIII Dinastia Egípcia, sob o reinado daquele que foi o seu Grande Mestre, o Faraó Akhenaton - o membro de uma linhagem predestinada, uma das mais sublimes almas que tocou este planeta, o primeiro a estabelecer no mundo o Monoteísmo, a crença em um Deus Único, Universal e Pai de todos os seres viventes - enfim a Luz Sublime que emana do Amor - de todas e para todas as criaturas. O iluminado Akhenaton apenas a restabeleceu naqueles tempos, abriu para ela um novo ciclo, uma vez que Venerável Ordem periodicamente SE RETIRA DO MUNDO, para retornar somente em uma outra época, bem definida. Aliás, estamos mesmo perto, muito perto, do fechamento do seu ciclo atual!


A Cripta da Civilização de Atlanta, para que no futuro distante aqueles que nos sucederem possam finalmente descobri-la - o que seria impossível sem qualquer tipo de referência - teve a sua existência discretamente divulgada mediante pistas muito seguras quanto à sua localização, algumas confeccionadas em papel especial, prensado em acetato de celulose e submetidas a intenso calor e pressão, de modo a torná-las praticamente indestrutíveis, sendo então colocadas em diversas instituições de ensino e filosofia desde o Oriente ao Ocidente, espalhadas dessa forma por todo o globo terrestre. Até mesmo nas mais isoladas monasterias do Himalaia, China, Japão, Tailândia, Tibete e Inglaterra, essas pistas permitirão àqueles que nos sucederem voltar ao passado e redescobrir aquela que foi a nossa Civilização, até mesmo quando esses lugares não mais existirem sobre a face da Terra! Além disso, a Sociedade Geodésica e a Guarda Costeira dos EUA elaboraram e colocaram mapas bastante precisos, os quais fornecerão aos pesquisadores do futuro as exatas cordenadas quanto à localização da Cripta, a partir de uma triangulação cartográfica efetuada entre as montanhas Stone e Kennesaw. Acima, um detalhe da Cápsula do Tempo da Westinghouse.


E tendo como premissa que toda a nossa civilização poderá estar extinta no futuro e, por conseguinte, todos os nossos idiomas igualmente perdidos, os cientistas organizadores da Cripta elaboraram um engenhoso sistema pictográfico que, através dos seus símbolos e sinais, permitirá uma compreensão do significado e das respectivas pronúncias das palavras do Idioma Inglês: - Passado (PAST); presente (PRESENT) e futuro (FUTURE).


Como também noções de Pessoas e indicativos: Eu (I), você (YOU); Aquilo (THAT) e Isto (THIS)


Até mesmo a noção de opostos: Jovem/velho (YOUNG/OLD); baixo/alto (SHORT/TALL), preto/branco (BLACK/WHITE).


Aqui, algumas noções de comparações: - Bom (GOD), Melhor (BETTER) e "Superior" (BEST)


E também alguns determinativos, os quais sugerem ações: - deitar, sentar, ficar em pé, caminhar, correr, subir, pular etc.... Além disso, as paredes da Cripta terão AFRESCOS MOSTRANDO CENAS DO DIA-A-DIA DA NOSSA CIVILIZAÇÃO! Que semelhança com as tumbas do Antigo Egito!!! Tudo se repete - pois, não é mesmo a História essencialmente cíclica?


Claro, pois esta é a milenar escrita hieroglífica do Antigo Egito - uma das mais inteligentes e avançadas formas de transmissão de conhecimento de toda a antigüidade. Haveria alguma semelhança nisso?


SIM, TUDO A VER também! E assim provando, mais uma vez, que a História sempre se repete e as suas circunstâncias são, de fato, sempre cíclicas, recorrentes - mudam apenas os personagens.... Uma vez que FOI EXATAMENTE ISSO que os Antigos Sábios Egípcios fizeram para facilitar em um distante futuro a plena compreensão da sua linguagem! Após os caracteres que especificavam e compunham a formação de uma palavra, vinha sempre um SINAL DETERMINATIVO, justamente para ilustrar o quê aquela palavra significava!!! Detalhe revelador: - Segundo a Mitologia Egípcia, aquela (ainda hoje muito avançada) forma de linguagem pictográfica fora transmitida nos primórdios da sua civilização por um misterioso "deus celestial" chamado TOTH!


Contudo, nesses artefatos que viajam rumo ao distante futuro, existem coisas ainda mais relevantes, como, por exemplo, a mensagem do notável e extremamente lúcido Cientista Albert Einstein, deixada para a posteridade na Cápsula do Tempo: - "Nosso tempo foi rico em mentes inventivas, em invenções que podiam facilitar as nossas vidas consideravelmente. Estamos cruzando os mares através do poder, e utilizando a força também para aliviar a humanidade do seu trabalho muscular. Aprendemos a voar e estamos aptos a mandar mensagens e notícias sem qualquer dificuldade para o mundo inteiro através de ondas elétricas. Contudo, a produção e a distribuição de mercadorias é inteiramente desorganizada e, portanto, todos devem viver sob o medo de ser eliminado pelo ciclo econômico, desse modo sofrendo através do desejo de possuir tudo. Além disso, os povos de diferentes países matam-se uns aos outros em regulares intervalos de tempo. Por isso, e também por essa razão, qualquer um que reflita sobre o futuro deve viver sob o medo e o terror. Isso é devido ao fato de que a inteligência e o caráter das massas são incomparavelmente menores do que a inteligência e o caráter dos poucos que produzem alguma coisa de valor para a comunidade. Confio que a posteridade leia esse depoimento com um sentimento de orgulho e justificada superioridade". Aliás, foi esse mesmo cientista - um dos maiores gênios que a humanidade conheceu - que certa vez respondeu, em uma ocasião anterior na qual foi perguntado se sabia quando seria a Terceira Guerra Mundial: - A Terceira Guerra Mundial não sei quando ocorrerá, mas uma coisa eu sei: na Quarta os homens combaterão com paus e pedras".


Nesse particular, se acaso vier a se concretizar a quase total extinção da espécie humana e das civilizações hoje conhecidas, o conteúdo da Cripta da Civilização tornar-se-á extremamente útil aos seus descobridores, pois, antes de ter a sua porta de aço definitivamente cerrada em 28 de maio de 1940, foram acrescentados aos seus milhares de ítens culturais, didáticos e científicos - representados por mais de 640 mil páginas microfilmadas - porém e muito prudentemente exceto armas e munições, outros milhares de muitos utensílios comuns ao nosso dia-a-dia, os quais poderão ser de grande utilidade àqueles que, nesse caso e eventualmente, deles vierem a necessitar. (FOTOS: Oglethorpe University)


Outra das muitas mensagens deixadas na Cápsula do Tempo pelas personalidades da época, esta, por sua vez, do grande escritor Thomas Mann: - "Sabemos que a idéia do futuro como a de "um mundo melhor" foi uma falácia da doutrina do progresso. As esperanças que depositamos em vocês, cidadãos do futuro, não são exageradas. Em um sentido mais amplo, vocês realmente se parecem a nós assim como nós pareceríamos àqueles que viveram mil, cinco mil anos trás. Entre vocês, também se o espírito percorrer mal e nunca percorrer bem essa Terra, o homem não irá longe. A concepção otimista do futuro é uma projeção no tempo, um empenho que não pertence ao mundo temporal, o empenho que uma parte do homem se aproxime da idéia de si mesmo, a humanização do homem. Aquilo que nós, neste ano de Nosso Senhor de 1938, entendemos pelo termo "cultura" é uma noção hoje presa a uma baixa estima por certas nações do mundo ocidental, simplesmente um empenho, e o que chamamos de Espírito também é idêntico a isso. Irmãos do futuro, uni-vos a nós em espírito e nos objetivos, recebam nossos cumprimentos". Mensagens altamente oportunas, sóbrias, intensamente relevantes....


.... Assim como é altamente relevante o trabalho ora desenvolvido pela própria Oglethorpe University (4484 Peachtree Road NE, Atlanta, GA 30319), mantendo a International Time Capsule Society - uma entidade destinada a preservar, registrar, fornecer instruções, e principalmente ESTIMULAR que outras organizações por todo o mundo - tanto particulares quanto governamentais, científicas e culturais - igualmente produzam as suas próprias Cápsulas do Tempo, assim preservando os registros da sua História, cultura e civilização para a posteridade.....


.... Pois, o Anjo de Deus já está passando - e os poucos homens ainda lúcidos assim o pressentem! Desde muito, uma certa urgência toma, de fato, as mentes mais lúcidas e racionais do mundo. Assim, e tal como as aves e outros animais ditos "inferiores" quando pressentem a tempestade, alguns homens altamente inteligentes sentem que precisam deixar alguma coisa para aqueles que nos seguirão em um futuro distante, quando talvez - nós e a nossa materialista e decaída civilização, tristemente alienada de Deus - não mais existirmos sobre a face da Terra, e quando todos os nossos vestígios tenham sido apagados! Também a Empresa Norte-americana Westinghouse se preocupou com esse particular, criando a sua segunda Cápsula do Tempo, além daquela primeira colocada em 1938, estabelecendo assim mais um registro da civilização do Século XX, porém que perdurará por 5 mil anos - devendo, ambas, somente ser aberta no distante ano 6939! Continuemos....


 "Ali se aproximaram Dele os fariseus e os saduceus, e, tentando-o, pediram um sinal do céu. Em resposta, disse-lhes: - "Ao cair da noite costumais dizer: "Haverá tempo bom pois o céu está vermelho; e de manhã: - "Hoje haverá tempo frio e chuvoso, pois o céu está vermelho, mas de aspecto sombrio". Vós sabeis interpretar os sinais do céu, mas o sinais dos tempos não podeis interpretar"
(Jesus, O Maior de Todos os Mestres - Mateus, Cap.16 Vs. 2)


Nessas fotos da época, detalhes da construção, elaboração de conteúdo, e do lançamento de uma das duas Cápsulas do Tempo da Westinghouse, colocadas sob a antiga Feira Mundial de Nova York, precisamente no Flushing Meadows Park. Cuidados especiais foram tomados para a sua preservação: - a cápsula em si, por exemplo, foi elaborada mediante um materal não-ferroso, especialmente criado para esse Projeto, denominado "Cupaloy" e capaz de resistir à corrosão por 5 mil anos! Composto por 99,4% de cobre, 0,5% de cromo e 0,1% de prata, a Westinghouse afirmou ser tão forte quanto o aço, tendo sido amplamente testado pelo seu Laboratório de Pesquisas. A segunda cápsula, por sua vez, foi elaborada através de um novo material denominado "Kromarc" - composto por 52.60% de ferro, 21.24% de níquel, 15.43% de cromo, 8.20% de manganês, 2.15% de molibidênio, 0.22% de silicone, 0.05% de carbono, 0.013% de fósforo, e 0.012% de enxofre.


Existem em outros lugares algumas outras Cápsulas do Tempo, não tão sofisticadas, porém igualmente viajando na sua silenciosa jornada em direção ao futuro. Acima, na cidade americana de Buffalo, uma outra elaborada em 1957 com instruções para ser aberta somente no ano 2032.


Essa, por sua vez, já no Estado da Georgia, também EUA, contém uma caixa de cobre contendo os registros particulares de uma Empresa no ano 1972.


Essa, por sua vez, foi colocada em 1999 para ser aberta somente no ano 2099. São iniciativas particulares, porém não deixando de ser dotadas de uma certa relevância, uma vez que representam as marcas da nossa fugaz passagem pela Terra, as nossas breves "pegadas" neste plano!


Também em Amarillo, Texas, uma outra Cápsula do Tempo, igualmente contendo os registros da nossa civilização, foi encerrada a uma grande profundidade! O local está demarcado com uma espécie de torre piramidal - um monumento externo que, devido a muitas e imponderáveis circunstâncias, muito certamente tornar-se-á esquecido, não mais podendo existir em obscuras épocas futuras.


Não é que se trate de uma visão fatalista ou mesmo apocalíptica, porém, diante dos perigosos rumos que a nossa tresloucada civilização está tomando, muito recentemente, também em Nova York, foi criada uma moderna Cápsula do Tempo, mostrando para um futuro distante os aspectos do nosso presente Século XXI - esta, todavia, somente para ser aberta no ano 3.000. Muito embora o nosso presente tecnológico seja essencialmente digital, o conteúdo dessa "Câmara do Tempo" - localizada sob essa escultura do Museu de História Natural daquela cidade - está elaborado de modo analógico, tudo à moda antiga. Faz sentido, pois, apesar das pressões em contrário, seus idealizadores concluíram que no nosso mais distante futuro talvez não mais possam existir formas de energia tais como hoje as conhecemos - como tampouco CD's, computadores, hard drives, filmes, etc - coisas que, segundo Stephen Mihm, Gerente Geral daquele Projeto, fatalmente se deterioram com o tempo. O papel especial e imagens foram algumas das soluções encontradas para resolver o problema.


Tudo é mesmo efêmero! De fato, toda a nossa civilização é construída através de materiais altamente fugazes e perecíveis. Na foto, uma obra-prima da indústria automobilística norte-americana, um Plymouth Belvedere ano 1957, com um potente motor V-8 - e já naqueles distantes tempos provido de direção hidráulica, transmissão automática eletrônica, ar condicionado, vidros elétricos e outros luxos. Enfim, todo um símbolo do orgulho e do status de uma época - no tempo em que os automóveis eram realmente feitos com materiais robustos e com chapas do mais puro e resistente aço!


Sem dúvida, sempre deve ser levada em conta uma preocupação bastante lógica no que diz respeito à falência dos materiais - algo que faz muito sentido, pois, acima, temos um exemplo bastante típico: - exatamente em 1957, na Cidade de Tulsa, Oklahoma, a comunidade local colocou em uma espécie de Cápsula do Tempo, cuidadosamente embalado, um dos novos modelos de automóveis, precisamente um daqueles luxuosos Plymouth Belvedere, de modo que muitos anos mais tarde, no futuro, fosse trazido à luz em uma cerimônia comemorativa. Sic transit gloria mundi - "Assim passa a glória do mundo", já diziam os antigos! Vejam só como ficou em 2007, após decorridos 50 anos, aquele que fora outrora um belo e disputado automóvel. E isso em apenas 50 anos. Imagine-se, após decorridos aguns milhares de anos, como então ficaria, e o quê poderia finalmente restar dele - se é que iria mesmo restar alguma coisa! (FOTOS: KOTV)


".... Cápsula do Tempo com um Plymouth 1957, selada em 15 de junho de 1957 para ser aberta em 2017....", dizia a inscrição. de Tulsa. Só que, ao que parece, anteciparam a abertura por algum motivo. Nesse caso, o evento serve como um exemplo muito expressivo de "como não fazer uma Cápsula do Tempo", pois, não bastou uma robusta cripta selada de concreto ao rés do chão e uma simples lápide para preservar o belo automóvel, provando assim que não é mesmo suficiente - apenas e tão-somente - cuidadosamente "embrulhar" algo destinado ao futuro, sem que sejam providos outros recursos adicionais necessários à sua conservação e preservação.


Mas, apesar de tudo, a relevante idéia se espalha! No castelo de Guildford, ao Sul da Inglaterra, foi colocada em 2000 a "Cápsula do Milênio", destinada a ser aberta somente no ano 3.000. No seu interior, milhares de lembranças do Século XX, tal como uma espécie de "presente" aos futuros habitantes do lugar que hoje conhecemos como Inglaterra - tudo de modo a dar a eles uma idéia do que foi a vida no nosso tempo presente. Além disso, há um mini-cooper e, também, várias cartas e mensagens das personalidades locais - como o ex-Primeiro Ministro britânico Tony Blair - destinadas aos futuros povos.


Também na Coréia, precisamente em Seul, em 29 de novembro de 1994 foi colocada, abaixo do disco central desse monumento circular, um outra Cápsula do Tempo, para somente ser aberta no ano de 2394, contendo cerca de 600 ítens representativos da vida e da cultura dos cidadãos locais.


"Cápsula do tempo, em Louvor de todos os homens e mulheres que lutaram no Vietnã pelo nosso país - para ser aberta em 9 de novembro de 2097" - estampa a lápide dessa outra "Viagem no tempo" da nossa civilização. Existem dezenas de outras, espalhadas pelos mais diversos países e locais, abrangendo variados temas - algumas, porém, que devido ao nosso lamentável caráter bélico e fratricida, talvez sejam encaradas com horror pelas adiantadas civilizações futuras e, por isso mesmo, possivelmente nem mesmo sejam abertas.


E até mesmo iniciativas particulares isoladas participam desse meritório trabalho destinado às humanidades futuras. Em Nebraka, EUA, o cidadão Harold Davisson, em 1975, também construiu a sua, a qual denominou "A maior do mundo" - fato este contestado pela Oglethorpe University que tem na sua Cripta da Civilização de 1938/1940 aquela que, de fato, é a maior delas. O importante é que dentro dessa estrutura, foram colocados vários ítens contemporâneos, inclusive um automóvel! Tal Cápsula do Tempo é destinada a ser aberta somente em 4 de julho de 2025. Vale, porém, ressaltar o seu expressivo formato de uma PIRÂMIDE - o que, de pronto, forçosamente nos faria lembrar de algo....


.... ISSO MESMO: As tumbas do Antigo Egito, assim como a de Tutankhamon, cujo conteúdo viajou por mais de 3.600 anos, intocado através dos milênios, guardando para a posteridade tudo aquilo que era usado no seu tempo - móveis, alimentos, cenas cotidianas pintadas em murais.... E até mesmo um "moderno carro" da época! E quem sabe se a idéia, o exato objetivo, dos Antigos Egípcios não teria sido mesmo esse: - o de TAMBÉM construir as suas "Cápsulas do Tempo", de modo a manter viva a memória da sua civilização e dos seus fatos históricos - o que, por sinal, mediante isso, eles realmente conseguiram?


As civilizações passam! Essa memorável cena final do excelente filme "O Planeta dos Macacos" nos coloca diante de uma cruel e dura realidade. No roteiro, astronautas da NASA, viajando pelo espaço, pousam em um planeta cuja humanidade foi quase que inteiramente destruída - naquele momento habitado e controlado por símios inteligentes os quais sofreram uma mutação genética. Após uma dura jornada na qual encontram os poucos sobreviventes da espécie humana, mudos e idiotizados, vivendo na miséria e como escravos, finalmente o último daqueles astronautas que sobrevivera naquele ambiente hostil, fugindo da feroz perseguição dos impiedosos gorilas, se depara com esta trágica cena e, então, cai em prantos nas areias.... Diante daquilo que restou de Cidade de Nova Yorque e da famosa Estátua da Liberdade! Pois, devido à contração do tempo, um fenômeno real e científico, enquanto viajavam pelo espaço os astronautas sem o saber acidentalmente retornaram à própria Terra, porém no FUTURO - na nossa Terra totalmente destruída após uma conflagração nuclear que impiedosamente varreu toda a nossa civilização! Algo que, por sinal, não está totalmente livre de um dia qualquer vir realmente a acontecer. Ficção à parte, se essa terrível eventualidade vier a se produzir, somente as Cápsulas do Tempo, espalhadas pelo mundo, restarão - tal como uma espécie de silencioso Réquiem - assim como lembranças perdidas e esquecidas do que foi um dia a nossa civilização!


E talvez uma das mais importantes e modernas Cápsulas do Tempo esteja situada nos gelados confins da Noruega, precisamente em uma remota região denominada Svalbard. Ali foi criado um banco de sementes, contendo, para uma humanidade futura, TODAS as sementes existentes na Terra!


Escavada a uma grande profundidade na rocha bruta, em um local até mesmo à prova de detonações nucleares, a chamada "Cripta do Armagedom", preservaad infinitum aquilo que poderá vir a ser a salvação do que restar da nossa humanidade na eventualidade de um catástrofe qualquer que venha a destruir tudo, ou mesmo de uma guerra nuclear que torne a Terra um deserto inóspito, dessa forma inevitavelmente espalhando a fome, a miséria e o caos pelos quatro cantos do mundo!


Lamentavelmente, chegamos ao ponto de uma obra benemérita e relevante como essa ter que estar severamente protegida e guardada por sentinelas fortemente armados, evitando assim que as forças das trevas - estas sempre atuantes - venham a sabotar ou mesmo maldosamente tentar destruir a Cripta das Sementes!


Este é um ato de amor e piedade! Ali desenvolve-se o importante trabalho de verdadeiros e anônimos benfeitores da humanidade, homens bafejados pela Luz Maravilhosa do Espírito, os quais desinteressadamente preservam toda a vida que nos deu a abençoada Mãe-Natureza, tão violentada e lamentavelmente massacrada nos tempos atuais. E quem sabe, mais tarde, talvez a humanidade futura tenha muito o que agradecer a eles.


Diante da entrada selada para a Cripta das Sementes, e também de um sentinela armado, um animal solitário parece interrogar. Possivelmente ele não entenda porquê - e como - os homens, considerados como a espécie racional e mais inteligente deste planeta, fizeram tanta coisa errada com a Criação do Pai, a ponto de isso chegar a se tornar tão necessário! - Lamentável, terrivelmente lamentável, que isso seja preciso! Mas, já não estava mesmo tão sabiamente escrito que:- "Se o Senhor não guardar a tua casa, tornar-se-á em vão o sentinela"? E até quando haverá o sentinela?


Sim, pois Hesíodo, notável filósofo e poeta grego, já no Século VIII A.C. escrevera, referindo-se ao final dos tempos (grifos nossos): - "Rogo aos céus que não tenha por minha vez de viver no meio dos homens da Quinta Raça, e que eu morra antes, ou nasça mais tarde, porque esta é a raça do ferro. Eles não cessarão de sofrer durante o dia trabalhos e misérias, nem a noite de serem consumidos pelas angústias que lhe serão enviadas pelos deuses. Hora chegará em que Zeus destruirá por sua vez esse raça de homens mortais; esta será a época em que os HOMENS NASCERÃO COM AS TÊMPORAS BRANCAS. O pai não se parecerá aos seus filhos; e os filhos não se assemelharão aos seus pais. O hóspede não será mais do agrado ao hospedeiro, nem o amigo ao amigo, o irmão ao irmão, ASSIM COMO NAS ÉPOCAS PASSADAS. Aos seus pais, por mais vigilantes e amorosos que fossem, os filhos não mostrarão senão desprezo. Para fazer compadecer e contentar por eles , empregarão palavras duras, os maus, e não terão temor pelos deuses. Aos velhos que os haviam alimentado, eles negarão os alimentos. Estabelecendo o direito pela força, eles aterrorizarão e sublevarão as cidades, umas contra as outras. Por nenhum preço se prestará fé aos juramentos feitos, nem ao justo, nem ao bem; será somente para o artífice do crime, para o homem desonesto que irão a estima e o respeito. O único direito que prevalecerá será a força, a consciência não mais existirá. O vil agredirá o bom com palavras agressivas e se apoiará em falsos documentos. No caminho dos míseros homens se juntará o ciúme imoderado, a linguagem amarga, o semblante hostil que se compraz do mal. Então, abandonado pelo Olimpo, a Terra dos amplos caminhos, escondendo os seus belos corpos sob brancos véus, os homens ascenderão para junto dos imortais. Tristes sofrimentos ficarão somente para os mortais; contra o mal não haverá mais remédio" . Palavras proféticas, Tempos difíceis! E não é exatamente ISSO que estamos vivenciando hoje? Que Deus tenha, então, piedade de nós; dos nossos filhos; dos nossos netos..... Pois, não é mesmo verdade que eles já estão nascendo com as suas "têmporas embranquecidas"?


Há contudo uma esperança; porém, uma depuração se faz realmente urgente e necessária! A Rosa, o mais sagrado dos Simbolismos Esotéricos, já era venerada na perdida Atlântida e posteriormente no Antigo Egito. Só podemos reverenciar Os Antigos Mestres, pois essa flor é verdadeiramente, e com plena justiça, a Rainha da abençoada Mãe-Natureza. Ela, quando em vida, ainda em botão, se fecha sobre o seu coração e, finalmente, quando se abre, revelando toda a sua beleza e espargindo o seu suave perfume, terá, então, soado a hora da sua morte. Na sua Imensa Sabedoria, Deus, A Causa Primeira de Todas as Coisas, também colocou no coração de cada criatura humana uma Rosa, fechada durante a vida, mas que, através da evolução espiritual, deverá plenamente desabrochar quando do momento da partida para um outro plano mais elevado, mais sublime - menos denso e mais sutil. A CRUZ é um outro simbolismo muito antigo - é a representação do Homem do passado remoto com os seus abraços abertos saudando o Duplo de Deus, a nossa Estrela Mãe, quando radiante se ergue no horizonte do céu, espalhando os seus raios vivificantes que trazem a vida sobre a Terra e sobre todas as criaturas viventes. Portanto, a Cruz é o Corpo; e o Coração a Rosa; a ALMA, a ser desabrochada, em Luz, precisamente em cada um de nós.


Onda de Luz, na Direção do Tempo - o passado sempre retorna! Aconteça, então, o que tiver que acontecer, queira Deus que no distante ano 8113, os tempos já estejam suficientemente maduros e que mãos piedosas abram a Cripta do Tempo de Atlanta, precisamente no local onde em tempos distantes e esquecidos existira uma certa Universidade cujo nome era Oglethorpe, e observem com extremada compaixão as vicissitudes pelas quais passamos e as fugazes ilusões que hoje ilusoriamente nos fascinam. Que a suas mentes saibam perdoar nossas fraquezas, o nosso egoísmo e as nossas maldades - tudo aquilo que, enfim, de errado fizemos neste plano - tudo forjado através de um progresso mais materialista do que espiritual - inócuo, impiedoso, desprovido de alma. Porém, disso temos convicção absoluta, a compaixão dará lugar ao exultar de corações, ao sorriso aberto e franco, quando essas mesmas piedosas mãos encontrarem em algum lugar da Cripta os 50 cilindros herméticos e finalmente os abrirem. Pois, aqueles seres, sejam eles quais forem, entenderão plenamente a enorme sabedoria dos Mestres do Passado que trabalharam pela LUZ, pela VIDA e pelo AMOR, para que um dia, finalmente, viesse a se concretizar o distante sonho de um antigo Faraó, da XVIII Dinastia - de um perdido lugar chamado Egito - e cujo nome era Akhenaton, no sentido de que, em algum tempo do futuro, chegasse a consecução de uma Nova Era, onde somente o AMOR UNIVERSAL unisse todas as criaturas, filhas queridas de um Único e Eterno Pai. O Tempo tão sonhado e esperado, em que a Luz brilhará com maior intensidade; em que todo o ar será tomado e vibrará com um perfume suave e diferente; o Tempo que será - enfim, e conforme uma distante promessa, sob a égide plena de Aquário e da sublimação do Espírito - o Tempo da ERA DA ROSA!







Total de visualizações de página

Página FaceBook