BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


sábado, 16 de julho de 2016

O que Sabemos não é tudo que Existe - Parte 269 RASTROS DO LEÃO, PEGADAS NAS ESTRELAS!







"Os estudos sobre a mesa, os olhos no acicate do firmamento, nos emborcados cristais da geometria, enquanto o sangue intestinal do homem morto a coronhadas escorria pelos degraus, chupado por verdes enxames de moscas que cintilavam" (Pablo Neruda - Canto Geral)




Uma câmera automática solitária, postada no solo da Lua, registrou a partida da Apollo-17, em 1972, deixando atrás de si um caríssimo veículo de locomoção (Rover), utilizado pelos seus Astronautas nas EVA's (Extra Vehicular Activities - "Atividades Extra-veiculares"). Por que abandonar assim algo cujo custo é de alguns milhões de Dólares, estragando-se na poeira lunar - algo que, além de ser totalmente desmontável, poderia ser levado de volta e também reutilizado em futuras missões? Não faz sentido, a menos que lembremos daquela espantosa revelação que Richard C. Hoagland fez no seu excelente livro DARK MISSION: - ou seja, cumprindo um ritual essencialmente mágico, a NASA sempre deixa nas suas missões uma oferenda aos Antigos Deuses do Egito - os Deuses de Órion!


Faz sentido, simplesmente porque os Deuses do Antigo Egito são metáforas muito relevantes, representam Forças Universais atuantes, - metáforas que velam por muitos mistérios - mistérios estes muito antigos e profundos, os quais somente agora começamos de modo timidamente a desvendar. Pois - e assim rezam as mais Antigas Tradições - os Deuses Egípcios não morreram, estão apenas "adormecidos", não nos abandonaram totalmente. E quem sabe se eles, os verdadeiros "Deuses das Estrelas" ainda estejam de algum modo nos protegendo, e de alguma forma, possuam ESTREITAS ligações para conosco?


Uma vez que são metáforas e mistérios que escondem segredos pertinentes às grandes e prodigiosas civilizações que nos precederam - como, por exemplo, a perdida Atlântida - a qual, segundo nos dizem essas mesmas Tradições, foi fundada por seres originários de uma outra galáxia!


Orion Belt, o Cinturão de Órion. Uma região estelar intimamente associada à Sagrada Religião Egípcia - um remoto culto estelar, advindo das mais distantes estrelas e que tem, por sua vez, uma contraparte firmemente estabelecida e demarcada AQUI MESMO na Terra: a marca do LEÃO! (FOTO: © DSS Consortium/Google)


Tudo faz sentido! ÓRION e as suas brilhantes estrelas, segundo a Mitologia, "O Caçador Celeste" - por sua vez intimamente associado ao elevado simbolismo do LEÂO!....


..... E as três grandes Pirâmides de Gizé perfeitamente alinhadas em conjunto com a exata disposição das mais brilhantes estrelas do Cinturão de Órion: - as três "irmãs" Alnitak, Alnilam e Mintaka! Aliás, o grande segredo, o mais profundo mistério, aquilo que sabem mas escondem de você, é que - onde quer que se encontre na face da Terra - TODA e qualquer pirâmide, representa uma ESTRELA, uma luz no firmamento - e quando elas estão alinhadas representam um perfeito e altamente preciso MAPA DO CÉU!


E não há o que discutir quanto a isso: - uma prodigiosa e altamente evoluída civilização do passado espalhou a sua mensagem cósmica por toda a face da Terra! Nesse particular, e por sua vez, a imponente esfinge de Gizé fita o horizonte do Egito precisamente na direção do LEÃO - justamente a Constelação de Leão, o Coração do Céu, tão reverenciado pelos Antigos Sábios Egípcios! E, denotando assim uma grande antigüidade - muito maior do que aquela que nos ensinam - esse alinhamento das pirâmides, conjuntamente com a "visão" da Esfinge rumo ao Leão, eram perfeitamente orientados, numa precisão absoluta, quando essas estrelas - e essa mesma Constelação - estavam na sua exata posição celestial.... HÁ MAIS DE 10 MIL ANOS ATRÁS!


Órion e o Leão, os mais sagrados simbolismos de uma antiga e extremamente avançada civilização que habitou a face da Terra em tempos muito remotos e esquecidos! Corpo de Leão e cabeça de homem - uma mensagem profundamente tocante, mística, que atravessou os tempos, interrogativamente fitando o horizonte mais longínquo do maravilhoso Firmamento estrelado que nos cobre!


Misteriosa Esfinge! Mas terá sido mesmo uma "cabeça de homem", e por durante tanto tempo assim? Cientistas desconfiam que NÃO! Primeiramente pelo fato de o seu corpo ser tipicamente leonino. Até aí nada demais, porquanto há um elevado simbolismo nisso. Contudo, medições recentes comprovaram que nesse monumento a "cabeça de homem" é inteiramente desproporcional ao tamanho do corpo do Leão. E nenhuma da outras esfinges encontradas no Egito - como, por exemplo, a de Memphis - apresentam tal desproporcionalidade! Ficou também provado, através dessas mesmas medições, que a Esfinge é, de fato, MILHARES de anos antecedente às pirâmides! Suas laterais são erodidas pela ÁGUA, atestando assim que ela estave ali presente quando se situava um imenso lago ao seu redor, ou quem sabe mesmo um mar! Diante disso, Richard Walters, como também outros pesquisadores, sugerem que a Esfinge foi realmente esculpida sob a forma de um completo LEÃO, muitos milênios antes de as pirâmides terem sido erguidas em Gizé - essas, por seu turno, igualmente antiqüíssimas. Posteriormente, então, ela teria sido alterada com a aposição da cabeça de um faraó em substituição à cabeça original do Leão. Os motivos? Não se sabe! (ILUSTRAÇÃO: Science Frontiers)


Aliás, o mesmo e muito antigo simbolismo do Leão que está TAMBÉM (e nitidamente) presente no distante solo de Marte! (FOTO: © ESA)


Sim, pois não restam mesmo quaisquer dúvidas com relação a isso: - a imagem torna-se clara e por demais evidente: - uma perdida e muito antiga homenagem ao Coração do Céu - a sagrada imagem do Leão Celeste, o Rei do Firmamento! Uma 
homenagem dupla: na Terra, assim como no distante solo de Marte!.....


..... Como também iremos encontrar em Marte os MESMOS tipos de pirâmides que encontramos aqui na Terra! (FOTO: © ESA)


Pirâmides muito antigas, algumas das quais OSTENTAM INSCRIÇÕES nas suas bases, assim como o excelente livro DARK MISSION nos revelou nessa foto da intrigante Pirâmide D&M, situada em Cydonia - um complexo de monumentos também presente no enigmático e muito misterioso solo do planeta Marte! (IMAGEM: © enterprisemission.com)



E não só curiosos monumentos por todas as partes daquele planeta, como também existem estranhos sinais postados no intrigante solo marciano.... Ostentando indecifradas mensagens voltadas para o céu!


E será que você reparou com bastante atenção naqueles estranhos sinais postados no solo marciano e voltados para o espaço sideral? Acreditamos que sim, pois se o fez, terá notado uma incrível semelhança com alguns hieróglifos egípcios - ou, melhor dizendo, PROTO EGÍPCIOS - isto é, utilizados ANTES de a milenar Civilização Egípcia que conhecemos igualmente os conhecesse e deles se utilizasse! Enfim, transmitidos à Civilização Egípcia pela muito mais antiga e milenar civilização que fez daquele país uma das suas colônias mais importantes aqui na Terra! Compare com o quadro acima: - note como os caracteres postados em Marte e anteriormente mostrados guardam espantosa semelhança com os hieróglifos egípcios correspondentes às nossas letra "E", "CH" "O", "S", e assim por diante! Incrível, não?


Sem dúvida! Porém, muito mais incrível ainda (porém verdadeiro) é aquilo que podemos ver nessa outra sensacional ampliação de um detalhe de uma foto tomada pela corajosa ESA (Agência Espacial Européia) por sobre a região marciana de Iani Chaos, onde - e as próprias Agências Espaciais reconhecem isso - em tempos muito remotos uma colossal enchente varrera tudo por lá - em outras palavras ÁGUA! Aqui, gigantescos caracteres igualmente sinalizam para o espaço e - mais uma vez - nos mostrando nítidos caracteres PROTO-EGÍPCIOS - destacando-se, na elipse superior, o sinal hieroglífico correspondente à nossa letra "O"! (FOTO: ESA, marcações: abovetoposecret.com)


Sim, incrivelmente espantoso. Tudo, portanto, coincide amplamente. Não há coincidências! Principalmente quando atentarmos para o fato, já aqui demonstrado, de que existe a representação do Leão em MARTE, assim como existem ESFINGES e (ainda bem vivos) os animais leões na Terra! E principalmente se atentarmos para o fato de que existe a imensa representação de um GOLFINHO, também na misteriosa região de Cydonia, em MARTE (foto)....


.... Assim como também existem (e ainda muito bem vivos) os misteriosos golfinhos, AQUI NA TERRA....


.... Principalmente, TAMBÉM, se atentarmos para o fato de que existem colossais representações de rainhas coroadas na superfície de MARTE, como também existiram RAINHAS COROADAS. e coroadas no mesmo estilo.... NO MESMO ESTILO e precisamente no ANTIGO EGITO!


SIM, justamente por que tudo isso representa uma verdade chocante! Restos e vestígios inegáveis de uma prodigiosa civilização - HUMANA, e semelhante à NOSSA - lamentavelmente perdida e esquecida, a qual deixou as suas marcas espalhadas por toda a superfície do chamado "Planeta Vermelho"!


Do mesmo modo como também deixou as silenciosas ruínas das suas outrora portentosas cidades - ou, quem sabe, das suas colônias e instalações espaciais mais avançadas!


Ruínas intrigantes, por todos os lados, e dentre as quais iremos igualmente encontrar o simbolismo do Leão, da ESFINGE - tudo isso, ainda, na mesma e muito misteriosa superfície de Marte!....


.... Um simbolismo idêntico, aqui visto em detalhe - numa aproximação maior e realçada. Torna-se claro, nitidamente discernível um formato leonino, como também uma enorme estela postada diante desse monumento bastante expressivo! Tudo, tudo mesmo faz sentido! Devemos, então, continuar....



"Desde o céu lutaram as estrelas, desde as suas órbitas lutaram.... A torrente os arrastou, a torrente dos dias antigos"
(JUÍZES - Cap 5, Vs. 20/21)


Nos corpos celestes mais próximos de nós sempre iremos encontrar as constantes marcas de uma antiga colonização! Voltemos então à Lua, onde um enorme - verdadeiramente colossal - e muito luminoso Domo se faz também claramente discernível em contraste com os contornos da sua esférica, porém muito irregular, superfície - uma edificação evidentemente artificial, uma obra de seres inteligentes!


Domos imensos que igualmente estão presentes no solo de Marte, também denotando as mesmas e muito antigas marcas de colonizações!


E quem disse que na Lua também não existiria uma ESFINGE, tal como existem na Terra e em Marte? Observe com bastante atenção essa foto da intrigante região de Copernicus 4....


..... E observe-a agora frente a frente! Gigantesca, sim - expressiva, como também insólita! E, note-se, uma nítida pirâmide bem ao seu lado!


Pirâmides! Tanto na Lua, quanto em Marte (foto).... as marcas indeléveis de uma grande civilização que se espalhava pelos corpos celestes mais próximos de nós!


As indeléveis marcas que ficaram das suas grandes realizações, como, por exemplo, nessa estranhas ruínas marcianas que a própria NASA muito sutilmente denominou THE INCA CITY - "A Cidade Inca"!


Aristarchus, outra vez na Lua. Também por lá, longas muralhas e antigas ruínas!


E Marte, mais uma vez. Observe essa região tomada por uma profusão de destroços mecânicos. Algo na paisagem nos chama a atenção, muito mais do que as outras estranhas coisas presentes nessa imagem.....


.... Precisamente ISTO! Uma cabeça decepada - e a qual ainda parece ostentar um tipo de capacete!....


.... E que, todavia, não é a única nesse bizarro cenário. Logo acima, na diagonal de um outro evidente destroço mecânico, podemos ver mais uma outra estranha cabeça decepada! São vestígios altamente reveladores de uma antiga destruição.


E talvez a antiga destruição que em tempos muito remotos assolou Marte, varrendo toda a sua cultura e a sua avançada civilização, tenha deixado como remanescentes uma série de estranhas e bizarras criaturinhas, as quais ainda hoje pululariam na sua superfície! O que não seria de todo impossível, uma vez que vida sempre se manifesta sob as mais diversas formas, mesmo quando o ambiente se torna hostil e degradado. Na curiosa foto acima, tomada pela câmera de um módulo principal da NASA, tais pequenas e bizarras criaturas teriam sido supostamente flagradas.... Aparentemente tentando sabotar o seu veículo auxiliar de locomoção Rover! Isso possivelmente explicaria as misteriosas falhas ocorridas em várias missões anteriores da NASA, inclusive os estranhos desaparecimentos de vários módulos, ocorridos no começo da era espacial!


Contudo, há destroços mecânicos espalhados pelas mais diversas regiões de Marte, marcas de uma cultura muito mais antiga e avançada! SIM, sem dúvida - Restos, talvez, de um feroz confronto bélico que há muitos milênios atrás, e muito provavelmente, devastou todo aquele planeta! Veja alguns expressivos exemplos nesse quadro, pesquisado mediante uma ampliação nos detalhes de uma foto tomada pela sonda exploratória de superfície Spirit, da NASA. (IMAGEM: © Troy & enterprisemission.com)


Destroços mecânicos? SIM! Como também estranhas máquinas voadoras discóides, avariadas, espalhadas em vários pontos da desolada superfície de Marte.....


... Comprove no negativo de uma outra imagem daquele mesmo objeto: - uma astronave muito antiga, já esquecida pelo tempo, recoberta pela implacável poeira, tendo, porém, os evidentes rastros do seu pouso, ou da sua queda, ainda bem visíveis!


..... Revelador? Sem dúvida! Como também existem coisas um tanto ou quanto semelhantes já na desolada paisagem da Lua! Nada demais nisso, uma vez que as nossas mais antigas lendas e Tradições nos dizem que antigas civilizações cósmicas largamente avançadas em tecnologia, se espalharam pelo Universo, percorrendo outras galáxias - colonizando outros mundos! E tal como nos dizem milenares textos Sânscritos: mediante os seus - "Carros celestes que iam de planeta em planeta, e de continentes a continentes" .


Restos de uma milenar astronave, totalmente avariada, ostentando as evidentes marcas de um ataque, e encontrada no solo da Lua pelos Astronautas da secretíssima Missão Apollo-20, da NASA.....


.... E - lembremos - lá dentro, exatamente no assento de comando, jazia há muitos milênios o corpo de uma mulher - de certa forma HUMANA, assim como nós - porém, pertencente a uma raça HUMANA, infinitamente mais antiga do que a NOSSA!


Destroços muito claros, marcas evidentes em demasia - evidências silenciosas, porém bastante expressivas, que nos fazem recordar uma antiga guerra, um violento confronto espacial entre UFOs, ou Discos Voadores - naves discóides - e espaçonaves oblongas - VIMANAS - talvez entre DUAS raças distintas pela posse de alguma coisa - alguma coisa que bem poderia ter sido a TERRA, ou até mesmo o nosso próprio Sistema Solar! Um confronto que partiu, ou atingiu, desde as mais distantes colônias avançadas.... E, quem sabe, até mesmo chegando aqui na Terra, destruindo, por via de conseqüência, todas as antigas e avançadas civilizações que nos precederam - Atlântida, Lemúria e etc.!


"MAIS PERTO DO QUE PENSAMOS" - diz essa notícia do Jornal Mirror News, abordando uma realidade que ainda hoje é sonhada e cobiçada pelas grandes potências mundiais - justamente a extraordinária riqueza da Lua em recursos minerais, alguns deles extremamente raros! A notícia diz que, um dia qualquer, NÓS estaremos por lá explorando tais riquezas, com máquinas que, tais como cães, escavarão as areias lunares e - assim como grandes aranhas - se movimentarão na sua superfície. Riquezas minerais essas evidentemente necessárias a qualquer civilização tecnológica e avançada! Sem qualquer dúvida, representando projetos altamente ambiciosos por parte das nossas grandes potências mundiais, mas....


..... O grande problema é que ALGUÉM CHEGOU PRIMEIRO POR LÁ, E JÁ ESTÁ FAZENDO EXATAMENTE ISSO! - e talvez fazendo isso há muito mais tempo do que possamos pensar! E, de acordo com todas as evidências, esse "alguém" não aceita quaisquer tipos de intromissões ou sequer concorrências nas suas obscuras atividades - em outras palavras, esse "alguém" (como, aliás, os Astronautas da própria NASA constataram in loco) tornou-se o "dono" e o "senhor" absoluto da Lua, transformando esse satélite da Terra em um ambiente hostil aos próprios seres humanos! Aquilo que você vê na imagem acima, por exemplo, jamais se tratou de uma simples cratera, mas, sim, das marcas muito claras, evidentes, de ESCAVAÇÕES - muito possivelmente de atividades de mineração!


E quem sabe se nesse confronto muito antigo, nessa velha batalha estelar, o "prêmio" final, o troféu mais cobiçado a ser conquistado, poderia ter sido.... Não somente as colônias de Lua e Marte, como também ESTE - muito azul e belo, visto ao fundo! Nesse particular, uma hipótese inteiramente nova e sobretudo surpreendente nos foi revelada, não só no excelente documentário THE ORION CONSPIRACY, de Seb Janiak e do seu grupo de pesquisas, como também através do excelente livro DARK MISSION, de Richard C. Hoagland & Mike Bara: - em síntese, tudo aquilo que vemos na Lua e Marte, justamente os corpos celestes MAIS PRÓXIMOS DE NÓS, seriam ANTIGAS COLÔNIAS DE UMA PRODIGIOSA CIVILIZAÇÃO TECNOLÓGICA QUE HABITOU A TERRA EM TEMPOS MUITO REMOTOS! Alguma coisa não identificada (quem sabe uma guerra travada entre as avançadas civilizações daqui mesmo, ou contra OUTROS SERES seres, advindos de "mais além") destruiu as suas colônias avançadas - assim como igualmente veio a destruir tal prodigiosa civilização estabelecida aqui na Terra. Trata-se de uma hipótese ousada, e a qual não pode deixar de ser devidamente considerada. Pois, conforme examinamos nessa página, as semelhanças com TUDO aquilo que existe nesses corpos celestes mais próximos de nós, em comparação com TUDO aquilo que existe "cá por baixo" - ou seja, no nosso planeta mesmo e originárias do mais remoto e esquecido passado - são altamente chocantes, além do mais intensamente reveladoras!


AS ÚNICAS COISAS NOVAS SÃO AQUELAS QUE FORAM ESQUECIDAS - conforme o lema (e o tema) do magistral documentário THE ORION CONSPIRACY. Algo que poderia mesmo se tratar de uma cruel e dura realidade. Os Livros sagrados, tais como a própria Bíblia, os milenares livros religiosos indianos, e assim por diante, TODOS eles invariavelmente descrevem uma guerra travada NO CÉU e na Terra! E os Livros Indianos vão mais longe ainda, quando descrevem nessa guerra o emprego de aeronaves potentíssimas e de armas extremamente poderosas, altamente destrutivas, diante das quais poderiam transformar todos os nossos mísseis e os nossos modernos arsenais atômicos em nada menos que ridículos e humílimos fósforos!


Rastros do Leão, Pegadas nas estrelas - O passado sempre retorna! E assim sendo, as nossas modernas "Vimanas", réplicas pretéritas e redescobertas, já não recomeçam a ganhar os céus, cortando o firmamento, desfiando o espaço - tal como nos mais remotos e esquecidos tempos, os tempos do nosso muito obscuro e perdido passado?


SIM! E talvez seja melhor e mais prudente não despertar muito a atenção de outras inteligências. Pois, assim como tudo indica, aqueles que venceram aquela antiga guerra ainda estão bem próximos - e talvez muito mais próximos do que possamos imaginar! E quem sabe se não existiriam advertências veladas quanto a isso, bem aqui nos nossos céus? Precisamente por parte dos UFOs - OUTRAS naves que acintosamente nos rondam e que - mais acintosamente ainda - intimidam os nossos Astronautas no espaço sideral! A História é mesmo cíclica, sempre se repete! E por enquanto NÓS, aqueles que restaram na nova Terra após a queda - timidamente engatinhando, recomeçando a trajetória da civilização após esse antigo conflito - pode ser que não representemos, AINDA, uma grande ameaça para "eles", os INTRUSOS - Contudo, o homem terrestre já começa a redescobrir a antiga, temível e perdida, tecnologia - já recomeça a sondar o espaço sideral, e muito em breve lá chegará de modo pleno.... E apenas por enquanto, parece que igualmente recomeça, tal como ocorrera no mais distante passado, a se tornar uma ameaça latente para aqueles que silenciosamente nos espreitam. Uma ameaça em potencial; em um nível, digamos, por enquanto e ainda médio. Mas, SOMENTE, SOMENTE POR ENQUANTO, MÉDIO!




Total de visualizações de página

Página FaceBook