BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Stonehenge do Lago Michigan





Sempre houve uma crença de que novas terras poderiam surgir a partir do oceano. 

A mais famosa de todas as histórias sobre terras perdidas é a de Atlântida, descrita em grande detalhe por Platão quase 2.500 anos atrás.






Esse complexo foi encontrado dentro Lago Michigam, em forma de círculo que lembra Stonehenge. Alguns mergulhadores estavam procurando por navios perdidos e quando encontraram essas pedras logo notaram que estavam perto de algo espantoso, um complexo como o de Stonehenge e que pode ter 10.000 anos, o círculos estão 40 pés abaixo do lago, por que 10.000 anos? Em uma das pedras estava esculpido um animal que já está extinto há pelo menos 10.000 anos, o que comprova, novamente que essas pedras foram colocadas ali pelo 10.000 anos atrás, antes do dilúvio Bíblico, observe que por mais que a  civilização tente negar o dilúvio, mais provas estão aparecendo e mais e mais, nós reafirmamos que a história da humanidade precisa ser revista.



O animal encontrado é um muito conhecido da idade da Pedra: um mastodonte.

"Quando você vê dentro da água, você diz que é absolutamente verdadeiro", disse Mark Holley, professor de arqueologia subaquática na Northwestern Michigan University College que fez a descoberta, durante uma coletiva de imprensa com fotos do pedregulho sobre exibição em 2007. "Mas é isso que precisamos de especialistas para entrar e verificar."








O animal pode ser um mastodonte ou uma paleomastodon, que existiu na America, e na América do Sul, são um pouco diferentes do Mamute que tem os dentes em forma circular, os mastodontes tem o dente em forma de cone. Esse animal viveu Pleistoceno há 35 mil anos.




Paleomastodon




Se a imagem for confirmada pelos arqueologistas o que não precisamos de certificado, porque parece ser muito antigo o petróglifo e como o mergulhador disse: estar a 40 pés no fundo do lago tem que ser real!



O que mais impressiona é que está no fundo do Lago e os arqueologistas estão encontrando muito artefatos e até cidades no fundo de lagos. É uma verdadeira quantidade de evidências que comprovam que há pelo menos 10 mil anos atrás os mares e oceanos estavam muito baixos e que o planeta parece ter tido o nível de muito alto dos oceanos e a formação de lagos explicaria uma chuva torrencial que elevou os oceanos.

A America tinha uma grande geleira que cobria o local onde existiria hoje o Lago Michigan, veja uma ilustração mostrando como seria a América na era do gelo, pelo menos 10 mil anos atrás.




Grandes animais viviam sobre as terras congeladas, grandes Mamutes e Mastodontes andaram por essas terras congeladas. O que prova o lago ter sido seco por muitos milênios e quando houve o degelo as terras foram inundadas onde formou-se grandes lagos internos. Os lagos formaram-se pelo degelo das grandes massas que encobriam locais mais altos,com o degelo das geleiras formou-se o lago, pois a água sempre ocupará locais mais baixos.

No passado há pelo menos 20 mil anos esses locais eram populosos e grandes cidades devem ter sido destruídas pelo degelo das geleiras, assim inundações constantes até que por fim a Terra esquentou e a grande era do Gelo terminou. Muitos lagos hoje podem ter vestígios de cidades inundadas como é o caso da anomalia do Báltico.

Esse processo de degelo ou de uma era glacial que extinguiu boa parte da fauna e flora na América e Europa. Pode ter acontecido devido a 2 catastróficos eventos que nós já sabemos que em algum tempo do passado aconteceu: a explosão de um vulcão ou a queda de um asteroide.

Porque nos dois eventos a fumaça e poeira sobe na camada da atmosfera conhecida como ionosfera, lá não há ventos, e a poeira torna-se uma forma de cobertor escuro que cobre os raios solares e assim haverá um inverno que durará por milênios.

Quero lembrar que os antigos diziam que não se podia ver o céu naquela era, devido ao "firmamento", um termo muito usado por várias religiões para explicar o universo e a escuridão da abóboda celeste; http://pt.wikipedia.org/wiki/Firmamento

No Gênesis, a explicação para o dilúvio, foi que no passado antes do dilúvio, o céu era composto de uma nuvem densa de água que se desfez em forma de chuva e inundou as terras da Terra, essa forma de explicar para quem lê literalmente, entende que havia uma massa de água no local onde existe a Ionosfera. O que é incrível como os cientistas não percebem, que há nessas frases a explicação sobre o degelo das geleiras e também que o firmamento poderia ter água em forma de um firmamento.

Hoje o planeta Vênus é uma lembrança do passado de nosso planeta, as nuvens de Vênus são tão espessas que a luz do Sol não consegue penetrar. Veja as imagens de comparação com a Terra.





O firmamento na Terra era como em Vênus, toda a luz era bloqueada pela camada espessa de vapor de água. Em Vênus a composição da atmosfera é de 25% de vapor de água, para um planeta igual em aparência com a Terra seria como um oceano estivesse na atmosfera. Na Terra o vapor de água é equivalente a 1% do que em Vênus.





Vênus mostra que se a Terra no passado era igual a Vênus, explicaria o que muitas civilizações testemunharam no passado, que não era possível ver a abóboda celestial. A ciência é muito literal e acabam perdendo o foco da verdade. O firmamento é uma forma que os antigos tinham de explicar o vapor de água na atmosfera. O detalhe é que nós percebemos que os antigos tinham grande conhecimento sobre o planeta e a ciência peca porque não consegue perceber esses detalhes.

Vou prever uma descoberta aqui nesse artigo e darei para você de antemão: em algum lugar do futuro a ciência irá descobrir que a Terra era como Vênus e o vapor de água dominava nossa atmosfera, posso até dizer de antemão a quantidade de vapor de água que os cientistas irão dizer: 25%! A ciência ainda pode demorar para descobrir, mas tenho certeza que no futuro essa previsão está de acordo com a verdade e que será comprovada.





O planeta Vênus é o passado da Terra ou o futuro. Muitos não sabem mas, Vênus é um planeta irmão da Terra, até mesmo nas dimensões, comparações de tamanho e superfície.

Distância ao Sol: 107 476 000 km (periélio) – 108 942 000 km (afélio)
Comparação com a Terra: 147 100 000 km (periélio) – 152 100 000 km (afélio)
Diâmetro: 12 103,6 km
Comparação com a Terra: 12 756,28 km
Circunferência equatorial: 38 025 km
Comparação com a Terra: 40 075 km
Volume: 928 400 000 000 km3
Comparação com a Terra: 1 083 200 000 000 km3
Massa: 4 868 500 000 000 000 000 000 000 kg
Comparação com a Terra: 5 973 700 000 000 000 000 000 000 kg
Densidade: 5,24 g/cm3
Comparação com a Terra: 5,515 g/cm3
Área da superfície: 460 200 000 km2
Comparação com a Terra: 510 065 700 km2
Velocidade Orbital: 126 077 km/h
Comparação com a Terra: 107 229 km/h
Duração do dia: -243 dias terrestres (5832 horas), retrógrado
Duração do ano: 0,615 anos terrestres (224,7 dias)
Circunferência orbital: 675 300 000 km
Comparação com a Terra: 924 375 700 km
Temperatura à superfície: 462ºC
Comparação com a Terra: -88ºC / 58ºCGravidade à superfície: 8,87 m/s2
Comparação com a Terra: 45 kg na Terra = 41 kg em Vénus

Essas comparações mostram que há pequenas diferenças entre a Terra e Vênus, o que pode mostrar como o planeta Terra era no passado ou no futuro. Mas o que quero passar para você é que o firmamento realmente existiu e que pode ter caído em forma de chuva durante a era do gelo. Outra explicação é que a Terra sempre teve cíclicos da era do gelo, o que explicaria esse cíclico evento é que nosso planeta estaria entrando em uma nova era do gelo, pois estamos 10 mil anos entre o evento anterior e o moderno, quer dizer que o próximo evento será em alguns milênios e provavelmente o começo de uma nova era do gelo, com grandes transformações em nosso planeta.

O que os cientistas não estão percebendo é que a era do Gelo já começou e em poucos anos o planeta pode entrar em nova era do gelo, onde a água pode subir e cair em forma de neve, esse processo é irreversível.Porque se a chuva virar gelo, como no hemisfério norte acontece hoje em dia, e o frio continuar, as camadas não se diluirão e assim uma nova camada de geleiras se perpetuarão pelo futuro até uma era de calor  e o fim de uma era do gelo.

Outro detalhe que a ciência não percebe, que as eras do gelo, estão ligadas com a energia solar, e os ciclos do Sol, cada ciclo solar é mais forte ou mais fraco, depende da energia solar, quero dizer que o Sol esfria e esquenta em um ciclo solar de 10 mil anos. Essa também é uma previsão que será descoberta no futuro pela ciência, que o Sol esfria e esquenta, e que seria responsável pelas eras glaciais na Terra.

A ciência moderna ainda não sabe dessas características, mas muitos cientistas irão perceber que essa é uma característica de planetas terrenos. Espero estar vivo para ver essas teorias comprovadas.


https://contatoalienigena.blogspot.com.br/2015/04/misterios-inexplicaveis-encontrado.html


CASO ESSE VÍDEO ESTEJA BLOQUEADO NO youtube, que é bem provável, fica ai uma segunda opção do mesmo publicado no dailymotion, que por sinal também desaparecem com os vídeos, mas é o que temos no momento, então mesmo assim, serei grato por isso.




Total de visualizações de página

Página FaceBook