BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


domingo, 28 de janeiro de 2018

Eliminando a Febre Amarela com Tratamentos Naturais






Na antiguidade não existiam vacinas e medicamentos industrializados, cheios de substâncias nocivas que destroem o sistema imunológico, além de causar uma série de danos aos órgãos a curto, médio e longo prazo; como passaram a existir na era chamada moderna, as pessoas procuravam tratamentos e curas com conhecedores da natureza e, tratavam muitos sintomas com ervas, folhas e plantas; eles eram chamados de curandeiros e, os próprios médicos da época, buscavam esses conhecimentos de forma natural para tratarem seus pacientes.






Muitas pessoas morriam na antiguidade, mas, como atualmente, morriam por falta de conhecimento e, por falta de cuidados higiênicos e na própria alimentação, não confundam bactérias nocivas oriundas por falta de higiene ou cuidados mais específicos com a saúde, com vírus que, muitas das vezes, são criados em laboratórios modernos. 

A criação de vários vírus mortais não se aplicam somente nessa época e feitos por seres humanos, mas, isso é um outro fato para ser contado em uma outra oportunidade pois, muitas pessoas ainda se encontram com suas mentes limitadas em seus entendimentos e percepções da realidade.



4 Remédios caseiros para Febre Amarela

Os chás de jurubeba, cardo-mariano, alcachofra ou boldo são excelentes opções de remédios caseiros para combater a febre amarela porque eles atuam sobre o fígado que encontra-se afetado nesta doença.

No entanto, estes chás apenas complementam o tratamento que deve ser indicado pelo médico que pode ser feito com analgésicos e antitérmicos que não contenham ácido acetilsalicílico, para não aumentar o risco de hemorragia.

Beber bastante líquidos e preferir alimentos de fácil digestão também é importante para se recuperar mais rápido e por isso é aconselhado comer mais frutas, legumes e verduras em todas as refeições e preferir beber água, suco de fruta natural ou chás, evitando as bebidas alcoólicas e os refrigerantes, nessa fase.

Veja como preparar e consumir cada uma destas plantas medicinais:

1. Chá de jurubeba



A jurubeba possui propriedades protetoras do fígado, digestivas, para purificar o sangue, diminuir a febre e desobstruir o fígado e o baço e por isso ajudam a aliviar os sintomas de febre amarela como febre, vômitos e pele e olhos amarelados.
Ingredientes
  • 1 colher (de sopa) de folhas de jurubeba
  • 500 ml de água
Modo de preparo
Colocar a água para ferver e depois de fervida, adicionar as folhas de jurubeba. Depois, deixar amornar, coar e beber 3 xícaras do chá morno, sem açúcar, por dia.

2. Cardo-mariano




O cardo-mariano é bom para purificar o fígado, fortalecendo a membrana celular para que as toxinas não penetrem na célula com tanta facilidade. Geralmente é consumido em cápsulas ou granulado porque seu chá não é de uso habitual. O cardo-mariano pode ser consumido em forma de cápsulas ou comprimidos, mas o chá é uma ótima opção caseira:
Ingredientes:
  • 150 ml de água fervente
  • 2 colheres de sopa de frutos de cardo-mariano esmagados

Modo de preparo:
Colocar a água quente sobre as folhas e deixar repousar por 15 minutos. Coar e tomar 3 a 4 xícaras por dia.
Seu consumo é contraindicado na gravidez, amamentação e em caso de alergia às compostas.

3. Alcachofra



A alcachofra ajuda a reduzir o colesterol e melhora o funcionamento do fígado e do pâncreas. Suas folhas podem ser consumidas cozidas em água e sal, mas também é aconselhado o extrato alcoólico preparado com estas folhas. Uma outra possibilidade é tomar as cápsulas de alcachofra que podem ser compradas em farmácias e lojas de produtos naturais. Para o chá:
Ingredientes:
  • 150 ml de água fervente
  • 1 colher de sopa de folhas de alcachofra esmagadas
Modo de preparo:
Colocar a água quente sobre as folhas e deixar repousar por 10 minutos. Coar e tomar 1 xícaras antes de cada refeição.
É contraindicado para gestantes e durante a amamentação por falta de comprovação científica de sua segurança nestas fases.

4. Boldo





O boldo acalma e melhora a digestão e protege o fígado do efeitos dos radicais livres, sendo útil para auxiliar a função deste órgão. Pode ser encontrado em comprimidos, drageas, mas é facilmente encontrado no Brasil, estando presente em muitos quintais e floreiras. Para o chá:
Ingredientes:
  • 150 ml de água fervente
  • 1 colher de sopa de folhas de boldo picadas
Modo de preparo:
Colocar a água quente sobre as folhas e deixar repousar por 10 minutos. Coar e tomar  2 a 3 xícaras ao dia.
Não deve ser usado em caso de obstrução biliar, nem por mais de 4 semanas consecutivas. Também é desaconselhado durante a gravidez e amamentação.

https://www.tuasaude.com/remedio-caseiro-para-febre-amarela/


23 REMÉDIOS CASEIROS PARA FEBRE AMARELA




Confira os 23 remédios caseiros mais eficazes para tratamento da febre amarela. Dor de cabeça, vômitos e náuseas são os principais sintomas da febre amarela. No entanto, uma pessoa sente tonturas e fica desidratada quando afetada por essa doença. Se a febre amarela não for tratada, ela pode até afetar o funcionamento do fígado e outros órgãos importantes do corpo.
Mas, não se preocupe porque existem muitos tratamentos naturais e remédios caseiros para tratar a febre amarela. Agora devemos olhar com mais atenção para o poder de cura que as ervas são capazes de fazer, sobre tudo os tratamentos com remédios caseiros para febre amarela que aliviam os sintomas ou a cura completamente dos sintomas da doença.
Alguns dos remédios caseiros para a febre amarela incluem o consumo de pimenta caiena, catnip, feno-grego, salgueiro, alho, orégano e manjerona, água de cevada, cebola crua, sal e limão, suco de cana-de-açúcar e muitos outros, bem como aumentar a ingestão de líquidos, controlar a pressão arterial, tratar as infecções rapidamente da febre amarela, e manter níveis ideais de oxigênio no organismo.
A febre amarela ficou muitos anos sem causar grandes preocupações na população e nos órgãos de saúde do Brasil, tendo sido controlada, porém no início de 2017 ela se tornou mais um dos problemas de saúde a serem combatidos nos grandes centros urbanos. Um surto da doença foi identificado em cidades no leste de Minas Gerais e causou diversas mortes, chegando a outros estados brasileiros.
Hoje vamos saber mais sobre a doença e os principais remédios caseiros mais eficientes que ajudam no tratamento dos sintomas febre amarela.

O que é febre amarela?

A febre amarela é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus e transmitida por um mosquito infectado. Ela atinge apenas seres humanos, primatas e várias espécies de mosquitos, entre eles o Aedes Aegypti, o mosquito transmissor de diversas outras doenças como Dengue, Zica e Chicungunha, e muito presente nos grandes centros.
A doença teve origem na África, e foi trazida ao Brasil e demais países da América do Sul através do comércio de escravos. Nesses dois continentes e na Europa é comum encontrar epidemias da febre amarela, o que já não acontece na Ásia, por exemplo.
Entre os séculos XVIII e XIX a febre amarela era considerada uma das doenças infecciosas mais letais, e em 1927 o vírus da febre amarela foi o primeiro vírus humano a ser isolado.
Infelizmente, a febre amarela aparece frequentemente entre as principais epidemias e pode se espalhar muito rapidamente por uma grande população, e quando isso acontece, a taxa de mortalidade pode chegar a 50% dos casos. Felizmente, houve uma vacina contra a febre amarela durante o último século, o que resultou em uma grande diminuição no número de casos de febre amarela em todo o mundo.
Hoje a febre amarela ainda afeta cerca de 200 mil pessoas no mundo e causa cerca de 30 mil mortes todos os anos, das quais 90% ocorrem na África.

Como a febre amarela se espalha?

Nas áreas urbanas, o mosquito Aedes Aegypti é o principal transmissor da doença. Ele começa a contaminar outras pessoas a partir de 9 a 12 dias após ter picado uma pessoa infectada. Esse intervalo é conhecido como incubação extrínseca.
Outro tipo de pernilongos, os mosquitos dos gêneros Haemagogus e Sabethes são os principais transmissores por ter ampla valência ecológica, ou seja, ele se adapta bem tanto em ambientes rurais como urbanos e isso dá a ele a possibilidade de fazer a ligação entre os ciclos silvestres e urbanos.
A febre amarela não pode ser transmitida entre pessoas diretamente, embora a infecção possa ser transmitida diretamente para o sangue através de agulhas contaminadas. Em geral, sempre haverá a necessidade do intermédio de um mosquito para transmitir a doença entre duas pessoas ou entre um macaco e uma pessoa. 

Sintomas da febre amarela

Os sintomas iniciais, como febre, calafrios, cansaço, mal-estar, dor de cabeça, dores no abdome e nas costas, perda de apetite, náuseas e vômitos, são os mesmos de diversas outras doenças, inclusive da dengue. Nos primeiros três dias, aproximadamente, não é possível diagnosticar a febre amarela sem um exame de sangue específico.
Porém após esse período a febre fica mais elevada, ocorrem náuseas e vômitos com sangue, queda no ritmo cardíaco e prostração. A maioria dos casos revolve apenas com o passar dos dias e com o controle dos sintomas, mas em cerca de 15% dos infectados, os sintomas podem se agravar, incluindo diarreia, convulsões, delírios, hemorragias internas e coagulação intravascular.
As consequências internas são diversas podendo ocorrer em casos avançados e sem o controle médico, hepatite, icterícia (cor amarelada na pele e olhos que deu nome à doença), insuficiência renal, insuficiência hepática, dor abdominal, sangramento na boca, olhos e trato gastrointestinal.
Alguns relatos de quem foi contaminado pela febre amarela citam duas fases da doença. A primeira inicia por uma forte dor na região lombar, que se espalha pelo abdome e pernas, e faz com que a pessoa tenha dificuldades de andar. Após esse início começam as fortes dores de cabeça, calafrios, sensibilidade à luz, e sensação de língua áspera e seca.
Outros sintomas como febre muito alta, sede intensa, náuseas e vômitos, insônia devido a todo o desconforto e muita agitação também são sintomas muito presentes e intensos que duram de dois a três dias. Após esse período o paciente sente-se bem e recuperado, como se já estivesse curado da doença.
A segunda fase da febre amarela inicia com sede intensa e muita dor no estômago. Ocorre uma hemorragia interna que causa vômitos e fezes com sangue. Podem ocorrer hemorragias nas narinas, útero e pela pele. Os rins param de funcionar subitamente e o vírus se aloja no fígado provocando a degeneração do mesmo. A pele fica amarela por causa da presença de bilirrubina no sangue (icterícia). Essa fase dura cerca de três dias.
O paciente fica extremamente fraco e pode falecer em até uma semana por causa das complicações renais. Cerca de 80% dos pacientes sobrevivem a essas duas fases da doença.
Após essas duas fases, os sintomas cessam e o vírus encerra o ciclo. O paciente se recupera bem espontaneamente. O último sintoma a ser eliminado é a cor amarelada na pele.

Como a febre amarela é diagnosticada?

A febre amarela é diagnóstica por exame de sangue específico e os sintomas que são semelhantes aos da dengue, malária, febre tifóide e leptospirose e apenas o exame pode diferenciar. Por isso, sempre consulte o seu médico se tiver sintomas da febre amarela e principalmente se tenha viajado recentemente para uma região de alto risco.

Top 23 melhores remédios caseiros para a febre amarela: tratamentos que você não deve deixar de fazer

Apesar de não haver tratamento específico para a febre amarela, existem tratamentos alternativos, que devem ser ministrados juntamente com a medicação indicada pelo médico, e ajudam a minimizar os sintomas da infecção, fazendo com que a doença interfira menos no dia-a-dia da pessoa infectada ou mesmo que ela se recupere mais rapidamente.
A cultura brasileira possui diversas ervas medicinais que promovem o bem-estar e eliminam certos desconfortos ou atuam em órgãos que ficam mais comprometidos pela febre amarela.
Os chás de jurubeba, cardo-mariano, alcachofra ou boldo e outros, por exemplo, são excelentes opções de remédios caseiros contra a febre amarela por atuarem diretamente no fígado, um dos órgãos mais afetados pelo vírus. A ingestão dessas ervas em forma de chás deve ser incentivada aos pacientes, assim como frutas e verduras nas refeições para fortalecer o organismo o máximo possível, para que ele suporte todo o processo e ciclo da febre amarela.

1. Remédio caseiro para febre amarela usando Chá de Jurubeba

A jurubeba é uma planta medicinal para tratar a febre amarela, também conhecida como jubebe, jurubeba-verdadeira, jupeba, jurupeba ou juribeba, tem gosto amargo e pequenos frutos amarelos. Ela auxilia no tratamento de doenças no fígado, estômago, pulmonares, febres, diabetes, e auxilia o sistema imunológico.
Ela possui propriedades medicinais anti-inflamatórias, descongestionante, digestiva, diuréticas e de proteção do fígado e dessa forma ameniza os sintomas da febre amarela como febre, vômitos e a cor amarelada da pele. Veja como fazer o remédio caseiro com jurubeba para ser utilizado no tratamento da febre amarela.
Ingredientes:
500ml de água fervida;
1 colher (sopa) de folhas de jurubeba;
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com jurubeba:
Ferva 500ml de água;
Adicione 01 colher de sopa de folhas de jurubeba;
É preciso deixar essa infusão enfriar um pouco e depois coar;
O paciente deve tomar até 3 xícaras de chá de jurubeba por dia, sem açúcar.
Podem ocorrer efeitos colaterais com o uso prolongado do chá. Devido à alta concentração de alcaloides e esteroides após algum tempo de consumo podem ocorrer diarreias, gastrite e vômitos. O chá de jurubeba não deve ser consumido durante a gestação e amamentação.

2. Tratamento caseiro para febre amarela usando Chá de Cardo-mariano

Cardo-mariano é outra planta medicinal para fazer o remédio caseiro e que pode ser usada pelos seus benefícios ao fígado região mais atacada pelo vírus da febre amarela. O cardo-mariano é também conhecido como santa-maria, cardo-branco, cardo-de-leite, cardo-de-nossa-senhora e cardo-santo. O cardo-mariano é capaz de gerar novas células no fígado, promovendo sua recuperação e proteção.
A forma mais comum encontrada de cardo-mariano é através de comprimidos ou cápsulas, mas o chá também é bastante eficiente.
Para fazer o chá de cardo-mariano será preciso:
150 ml de água fervente;
02 colheres (sopa) de fruto de cardo-mariano esmagado;
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com cardo-mariano:
Despeja a água sobre os frutos esmagados e deixe em infusão por 15 minutos, coando em seguida;
O paciente pode tomar 3 ou 4 xícaras desse chá por dia.
O chá de cardo-mariano é contraindicado para pessoas com úlceras, gastrite ou hipertensão. E seu uso em excesso pode causar irritação nas mucosas das vias digestivas, vômitos e diarreias.
Mulheres grávidas ou que esteja amamentando não devem tomar o chá de cardo-mariano.

3. Remédio caseiro para febre amarela usando Chá de Alcachofra

A alcachofra é uma planta medicinal também conhecida como Alcachofra-hortense ou Alcachofra comum. Ela pode ser consumida in natura, em uma salada crua ou cozida, em forma de chá ou em cápsulas industrializadas. É um excelente remédio caseiro para a febre amarela.
As propriedades da alcachofra ajudam a reduzir o colesterol, melhoram o funcionamento do fígado e do pâncreas.
Para fazer o chá de alcachofra será necessário:
150 ml de água fervente;
1 colher de sopa de folhas de alcachofra esmagadas.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com alcachofra:
Ferva os 150 ml de água;
Despeje a água quente sobre as folhas de deixe em infusão por 10 minutos;
Após esse tempo a bebida deve ser coada e o paciente deve tomar 1 xícara de chá antes de cada refeição.
A alcachofra é contraindicada para pessoas com obstrução do ducto biliar e durante a gravidez e amamentação.

4. Remédio caseiro para febre usando Chá de Boldo

O boldo é uma das plantas mais conhecidas no Brasil para o tratamento caseiro de problemas no fígado, para a má digestão e inclusive para aliviar os danos causados pela febre amarela. Também é conhecido como boldo-d-chile, boldo-afragans ou boldo-verdadeiro. As propriedades medicinais incluem ação estimulante da vesícula biliar, anestésica, antibacteriana, depurativa, desintoxicante e sedativa.
Para fazer o chá de boldo é preciso:
150 ml de água;
01 colher de sopa de folhas de boldo picadas.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com boldo:
Despeje a água por cima das folhas de boldo;
Deixar em infusão por 10 minutos, coando em seguida;
Podem ser tomadas de 2 a 3 xícaras de chá de boldo por dia, especialmente antes de depois das refeições.
Os efeitos colaterais do boldo incluem vômitos, diarreia e aborto. Sendo assim mulheres grávidas não podem tomar esse chá.
Ao fazer uso desses remédios caseiros para febre amarela é aconselhado evitar alimentação pesada, de difícil digestão e o consumo de bebidas alcoólicas até que o fígado esteja completamente recuperado.
Existem ainda outros remédios caseiros que auxiliam em outros sintomas da febre amarela.

5. Tratamento caseiro para febre amarela usando Equinácea

Quando estamos doentes precisamos que nosso organismo se fortaleça rapidamente para combater o vírus ou bactérias causadoras da enfermidade, e no caso da febre amarela não é diferente. Quanto mais forte o organismo estiver melhores serão os sintomas da doença e as chances de recuperação.
Então se torna essencial a tomada de medidas que aumentem a imunidade e fortaleçam o organismo criando anticorpos resistentes.
A alimentação saudável é muito importante para esse objetivo. O consumo de verduras, legumes e frutas, além de muito líquido ajuda o organismo a se manter bem. Evitar o consumo de alimentos gordurosos e com muito açúcar também é essencial para não sobrecarregar e exigir muito do fígado nesse momento.
O consumo do chá de equinácea também auxilia muito o fortalecimento das defesas do organismo e proteções naturais, estimulando o corpo a combater doenças infecciosas.
Ingredientes:
01 xícara de chá de água;
01 colher de chá de folhas ou raízes picadas da planta.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com equinácea:
Ferver uma xícara de chá de água;
Colocar uma colher de chá de folhas ou raízes picadas da planta;
Deixe em infusão por 10 minutos, coe e beba sem adoçar;
Esse chá pode ser consumido de duas a três vezes ao dia, preferencialmente entre as refeições.
Esse chá não é recomendado para gestantes e lactantes, tampouco para pacientes com tuberculose, esclerose múltipla, HIV e colagenose.

6. Remédio caseiro para febre amarela usando Folhas de Salgueiro

Outro remédio caseiro para usado com grande sucesso no tratamento da febre amarela. O chá de folhas de salgueiro auxilia na redução da febre, pois suas propriedades provocam o suor excessivo, o que abaixa naturalmente a temperatura do corpo. Quando a febre baixa, é sinal de que o sistema imunológico do corpo está se recuperando da infecção. Antigamente usava-se banhos de salgueiro para reduzir a febre.
Ingredientes:
150 ml de água;
01 colher de chá de folhas de salgueiro.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com folhas de salgueiro:
Para fazer o chá de folhas de salgueiro é preciso ferver 150 ml de água;
Deixar em infusão uma colher de chá das folhas de salgueiro, por 5 minutos;
Tomar esse chá a cada 6 horas.

7. Hortelã

O óleo essencial de hortelã sendo esfregado na testa ou na nuca auxilia a aliviar as fortes dores de cabeça provocadas pela febre amarela.
O extrato seco de salgueiro, que pode ser comprado em lojas de produtos naturais, também ajuda muito no combate a esse sintoma e o chá de matricaria é bastante indicado também, devendo ser preparado com uma colher (chá) para cada 150 ml de água fervente, podendo ser tomado duas vezes ao dia.

8. Remédio caseiro para tratar sintomas da febre amarela usando Ginseng

As melhores substâncias naturais para combater o cansaço e exaustão excessivos é o ginseng, o guaraná em pó e o mate. Os três produtos podem ser comprados em lojas de produtos naturais e devem ser preparados conforme a orientação constante em suas embalagens.
A febre amarela é uma doença muito perigosa e que pode ser erradicada com a atenção à eliminação dos focos de mosquitos transmissores e a vacinação adequada conforme orientação da OMS.
Se na sua região existirem casos da doença, os cuidados devem ser redobrados com uso de repelentes corporais e fortalecimento imunológico.
A população tem fundamental importância no combate à doença e ao mosquito transmissor.

9. Tratamento caseiro para febre amarela usando Alho

O alho é amplamente usado para como um ótimo remédio caseiro para tratar a doença da febre amarela e todos os seus sintomas também. O alho é um antibiótico natural cheio de propriedades anti-inflamatórias, antibacterianas e antioxidantes. Além disso, sendo um antioxidante, ele reduz a inflamação, mata as bactérias e desempenha um papel vital no fornecimento e alívio dos sintomas da febre amarela. Aqui estão duas maneiras de como usar alho para tratamento da febre amarela:
  1. Alho com mel
Ingredientes:
8 dentes de alho
2 colheres de chá de mel
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com alho e mel:
Pegue os 02 dentes de alho e amasse-o;
Adicione 2 colheres de chá de mel;
Para minimizar significativamente os sintomas da febre amarela, consuma esta mistura todas as manhãs.
  1. Alho com Leite
Ingredientes:
8 dentes de alho;
1 copo de leite.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com alho e leite:
Esmague os 08 dentes de alho;
Adicione os dentes de alho amassados a um copo de leite;
Antes de dormir todas as noites.

10. Remédio caseiro para febre amarela usando Água de Cevada

A utilização da água da cevada também é um dos melhores tratamentos caseiros da febre amarela porque possui vários minerais e vitaminas importantes, como cobre, vitamina B2, B5 e E. Seu consumo impede a desidratação e, portanto, pode ser considerado como um elemento importante no tratamento da febre amarela.
Ingredientes:
2 xícaras de cevada;
2 litros de água.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com água de cevada:
Pegue as xícaras de cevada e adicione aos 02 litros de água;
Ferva a água e deixe esfriar um pouco;
Filtre a solução e beba imediatamente;
Siga esse procedimento 03 vezes ao dia e sinta um alívio dos sintomas da febre amarela.

11. Remédio caseiro para febre amarela usando Sal e Limão

Uma pessoa afetada pela febre amarela geralmente tem desidratação severa, que é atribuída aos vômitos. O sal e o limão diminuem tanto a frequência como a intensidade do vômito. Este método pode ajudar a remover as toxinas indesejadas do corpo e eliminar a náusea e outros sintomas da febre amarela, como o vômito. Este é também um dos remédios caseiros mais eficazes no tratamento da febre amarela.
Ingredientes:
4 colheres de sopa de suco de limão;
¼ colher de chá de sal;
1 copo de água.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com sal e limão:
Pegue 01 copo e adicione as 4 colheres de sopa do suco do limão;
Adicione ¼ colher de chá de sal e misture adequadamente;
Bebe esse líquido sempre que sofrer com fadiga e desidratação.

12. Tratamento caseiro para febre amarela usando Orégano e Manjerona 

Procurando os melhores remédios caseiros para tratar a febre amarela, você não deve ignorar esse remédio. O chá da manjerona é frequentemente usado para aliviar os sintomas da febre amarela e da menopausa, etc.
Ele também contém propriedades anti-inflamatórias e pode ser usado para tratar qualquer infecção viral, bronquite e sinusite, etc. O orégano também é usado para curar febre amarela, distúrbios do trato urinário e distúrbios gastrointestinais, etc. Além disso, possui propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e antibacterianas. Os antioxidantes presentes no orégano ajudam a promover a capacidade do sistema imunológico para combater infecções.
Ingredientes:
1 colher de chá de manjerona;
1 colher de chá de orégano;
½ litro de água.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com orégano e manjerona:
Pegue uma panela com ½ litro e adicione uma colher de chá de manjerona e orégano;
Ferva em baixa temperatura durante 30 minutos;
Consuma a solução imediatamente. Siga este remédio simples algumas vezes por dia até obter um alívio completo dos sintomas da febre amarela.

13. Remédio caseiro para febre amarela usando Cinchona Officinalis Bark 

O pó da casca da Cinchona officinalis é eficaz no tratamento de uma grande variedade de doenças, incluindo a febre amarela. Infelizmente essa planta não é encontrada facilmente no Brasil, o que a torna pouca usada na produção do remédio caseiro da febre amarela em nosso país.
Ingredientes:
60 gramas de casca de cinchona officinalis;
½ litro de água.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com cinchona officinalis bark:
Em primeiro lugar, coloque ½ litro de água em uma panela;
Adicione as 60 gramas da casca de cinchona officinalis;
Ferva em baixa temperatura durante 15 minutos.
Em seguida, descanse a solução e deixe-a esfriar;
Depois disso, tome 20 ml desta solução três vezes ao dia durante 10 dias para obter alívio da febre amarela completamente.

14. Tratamento caseiro para febre amarela usando Cebola Crua 

Um dos melhores remédios caseiros para tratamento da febre amarela é a utilização de cebola crua. A cebola crua é eficiente contra algumas doenças incluindo a febre amarela graças as propriedades das vitaminas do grupo B necessárias para um bom funcionamento do sistema nervoso e imunológico.
Ingredientes:
1 cebola de tamanho médio;
3 colheres de sopa de mel.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com cebola crua:
Pegue a cebola e corte ao meio;
Em seguida, asse as cebolas cortadas pela metade por cerca de 10 minutos em um forno micro-ondas a 100° C;
Esmague os pedaços de cebola cozida e extraia o suco.
Depois disso, adicione as 03 colheres de sopa de mel ao suco de cebola;
Beba essa solução (cerca de 2 colheres de sopa) por 8 vezes ao dia. Sugere-se continuar esse tratamento durante 10 dias para curar a febre amarela.
Há uma variedade de tratamentos de febre amarela, continue lendo para saber mais!

15. Remédio caseiro para febre amarela usando Irvingia Gabonensis Bark 

Essa planta não é encontrada no Brasil. Um dos remédios caseiros mais eficazes da febre amarela, irvingia gabonensis bark é uma ótima opção para ajudá-lo a tratar esta doença.
Ingredientes:
60 gramas da casca de irvingia gabonenses;
½ litro de água.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com irvingia gabonensis bark:
Pegue uma panela e coloque ½ litro de água;
Acrescente 60 gramas da casca de irvingia gabonenses;
Ferva a água por 15 minutos em baixa temperatura e deixe esfriar por alguns minutos. Para eliminar os sintomas da febre amarela, é aconselhável tomar este remédio três vezes ao dia durante 07 dias.

16. Tratamento caseiro para febre amarela usando Água de Coco

Conforme mencionado acima, a febre amarela causa desidratação, deixando o indivíduo extremamente fraco.Portanto, é necessário manter o corpo hidratado e fornecer nutrientes essenciais necessários para um bom funcionamento do nosso organismo.
Para evitar a desidratação, a água de coco é uma ótima opção. Você só precisa consumir água de coco para evitar a desidratação e também fornecer nutrientes essenciais ao organismo. Para manter seu corpo hidratado e nutrido, sugere-se beber no mínimo 400 ml de água de coco de 4 a 5 vezes ao dia.

17. Remédio caseiro para febre amarela usando Feverwort 

Este remédio caseiro pode curar os sintomas da febre amarela em tempo recorde, isso porque ela possui as propriedades curativas. A erva Feverwort não é encontrada no Brasil.
Ingredientes:
2 colheres de chá de erva feverwort;
1 copo de água.
Como fazer remédio caseiro para febre amarela com fererwort:
Pegue um copo de água e adicione 02 colheres de chá de erva feverwort;
Ferva água por dez minutos e deixe a mistura esfriar por 20 minutos;
Beba ½ colher de chá do remédio antes das refeições. Você pode misturar as 02 colheres de chá de erva feverwort diretamente em bebidas como chá e café.

18. Tratamento caseiro para febre amarela usando suco de Cana-de-açúcar 

Um dos tratamentos que pode ser usado como remédio caseiro é beber suco de cana-de-açúcar. A febre amarela pode levar à desidratação severa, tornando o paciente fraco. Você precisa consumir suco de cana-de-açúcar para fornecer os minerais e vitaminas essenciais para manter o corpo hidratado. Ele também fornece glicose ao corpo, o que é muito importante para que todos os músculos proporcionem energia natural ao corpo.
Você precisa beber suco de cana-de-açúcar 03 vezes ao dia para fornecer as proteínas essenciais ao corpo. Além disso, a alta temperatura corporal causada pela febre amarela é reduzida com o suco de cana-de-açúcar.

19. Remédio caseiro para febre amarela usando Catnip 

Catnip, embora não combata diretamente a infecção da febre amarela, é bem conhecido por reduzir vários sintomas associados a doença, incluindo dores de cabeça, febre e distúrbios gastrointestinais.
A Catnip pode ser um ótimo tratamento complementar em casa, em conjunto com atenção médica adequada e tratamento alopático para eliminar a própria infecção do organismo. No entanto, como mencionado no início desse artigo, a vacinação é o melhor método preventivo para evitar a febre amarela.

20. Tratamento caseiro para febre amarela usando Pimenta-caiena 

Capsicum, é um dos principais componentes da pimenta caiena, e essa substância mostrou-se eficaz sendo uma ótima opção para baixar a febre. Pois sabemos que a febre alta pode trazer inúmeras complicações para o corpo e interferir drasticamente na energia produzido pelo organismo. Combatendo a febre, você vai manter o corpo mais forte para tratar as infecções e sintomas mais graves da doença.

21. Remédio caseiro para febre amarela usando Feno-grego 

Feno-grego é conhecido como o melhor remédio para a febre amarela. Mastigar essas sementes ou preparar um chá com as sementes podem ajudar e muito no tratamento dos sintomas da febre amarela. As sementes de feno-grego podem diminuir a febre, problemas gastrointestinais, distúrbios intestinais e excesso de catarro nos brônquios.
Todos os remédios caseiros acima mencionados da febre amarela são provados para tratar a febre amarela, bem como seus sintomas. Recomenda-se a prática desses tratamentos de febre amarela regularmente para encontrar melhores resultados.

22. Pressão sanguínea

O aumento da pressão sanguínea, interfere no bom funcionamento sobre o sistema cardiovascular. Reduza a pressão arterial aumentando o consumo de potássio, com a pressão arterial controlada você estará em uma situação muito melhor para se recuperar mais rapidamente da febre amarela e evitar que seu corpo entre na fase da doença tóxica, estágio mais perigoso da febre amarela.

23. Níveis de oxigênio

O aumento da pressão arterial pode esmagar os vasos sanguíneos e reduzir o fluxo de oxigênio para os outros órgãos importantes do corpo. Portanto aumentar o consumo de ferro pode estimular o número de glóbulos vermelhos e garantir que o corpo tenha um maior nível de oxigênio gerando um melhor funcionamento.
É importante salientar, que não há cura para a febre amarela. Existem opções de tratamento com muitos remédios caseiros, mas o único meio seguro para evitar a doença é através da vacina contra a febre amarela, os tratamentos naturais à base de plantas são frequentemente utilizados para tratar os sintomas da doença e em grande parte dos remédios caseiros há uma alta de taxa de sucesso para manter a doença sob controle.
A febre amarela ainda é considerada uma das doenças infecciosas mais perigosas, então, se você tem planos de viajar para a África ou para determinadas áreas da América do Sul, é altamente recomendável a vacinação.
É permitida a reprodução parcial ou total deste conteúdo em outros sites e/ou blogs desde que mencionada a fonte – 
Fonte:RibeiraDedetizadora– http://www.ddribeira.com.br/

Trate a febre amarela com um remédio caseiro

A febre amarela é uma doença hemorrágica viral (vírus flavivírus) que faz muitas vítimas ao redor do mundo. Assim como a dengue, a doença é transmitida pela picada de mosquitos infectados. A doença não é transmitida de pessoa para pessoa, mas pode ser transmitida quando uma pessoa infectada é picada por um Aedes aegypti, e em seguida uma pessoa não vacinada é picada pelo mesmo mosquito.

É difícil reconhecer de forma precoce o aparecimento da doença, pois as manifestações são variadas indo desde a ausência de sintomas até a disfunção orgânica generalizada. De uma forma geral, o início da doença é marcado por sintomas semelhantes aos da gripe como febre alta, cefaleias, vômitos, náuseas, dores musculares e falta de apetite.



Remédio caseiro para tratamento

Sem ter um tratamento específico, pois os medicamentos que são administrados em pacientes com a doença visam reduzir os sintomas, existem remédios naturais. O chá de jurubeba é um excelente medicamento para casos como esse, pois possui propriedades protetoras do fígado, febrífugas, digestivas, além de ajudar a desobstruir o fígado e o baço. A planta é eficaz pois ajuda a aliviar os sintomas da doença. Confira abaixo o modo de preparo e consumo.

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de folhas de jurubeba
  • 500 ml de água

Como preparar?

Para preparar o chá, coloque em um recipiente a água e, em seguida leve ao fogo e aguarde alcançar fervura. Adicione então, sem desligar o fogo, as folhas de jurubeba. Desligue o fogo, tampe e deixe a mistura amornar. Quando estiver em temperatura para tomar sem se queimar, coe e consuma três xícaras, sem adoçar, todos os dias.

Contraindicações e advertências adicionais

Os pacientes que tenham suspeita de febre amarela não devem fazer uso de medicamentos que contenham ácido acetilsalicílico.

O tratamento com o remédio caseiro deve ser feito apenas como uma forma de complementar o tratamento feito com medicamentos analgésicos e antitérmicos indicados por um médico, que deve seguir o tratamento do início ao fim. Antes de complementar o tratamento com o chá de jurubeba, converse com um médico e verifique a interação medicamentosa.

O chá de jurubeba não deve ser consumido por períodos prolongados devido à presença de alcaloides e esteroides que podem causar intoxicação. Fique atento aos sintomas de intoxicação: diarreia, duodenite erosiva, elevação das enzimas hepáticas, gastrite, náuseas, sintomas neurológicos e vômitos. Não foram encontradas contraindicações nas literaturas consultadas.



As informações contidas nesta matéria, foram adquiridas de alguns sites independentes que tratam deste assunto. 


Foi proposital juntar essas informações, para que você faça as devidas comparações, porém, pesquise mais sobre esse assunto.
AS PESSOAS ESTÃO MORRENDO POR MEDO, POR IGNORÂNCIA E POR COMODISMO.




Total de visualizações de página

Página FaceBook