BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


segunda-feira, 14 de setembro de 2015

O Livro de Ezequiel: Extraterrestres, naves e contatos imediatos



No dia vinte e oito de Abril, durante o vigésimo quinto ano do nosso exílio — o décimo quarto depois de Jerusalém ter sido capturada — veio sobre mim a mão do Senhor, e numa visão, levou-me até à terra de Israel e me deixou sobre uma alta montanha, onde pude contemplar aquilo que me pareceu ser uma cidade, em frente de mim.




A INTERPRETAÇÃO DE UM DESCONHECIMENTO REAL... COMO INTERPRETAR AQUILO QUE NÃO CONHECEMOS E QUE NUNCA VIMOS? POVOS SOFRIDOS PELAS TIRANIAS E GUERRAS, SIMPLES PESSOAS QUE NÃO TINHAM O CONHECIMENTO DA VERDADE SOBRE A REAL REALIDADE DOS FATOS.
COMO CHAMAR AQUELES SERES QUE VOAVAM ACIMA DAS NUVENS, E POR ALGUMAS VEZES SE ASSEMELHAVAM A NÓS MESMOS? POSSUIDORES DE ENORMES CONHECIMENTOS, ALEM  DAQUILO QUE SE PODIA IMAGINAR PARA AQUELA ÉPOCA?! 

PORQUE NÃO CHAMA-LOS DE DEUSES, PORQUE ESTAVAM ALEM DE TODAS CAPACIDADES HUMANAS? E LOGO SE CRIOU CRENÇAS, LENDAS, CONTOS E MITOS, QUE MAIS TARDE SE APROVEITOU DE MODOS NEGATIVOS PARA CRIAR RELIGIÕES. 

E SENDO ASSIM, OS DEUSES SE TORNARAM UM, UM DEUS, MAS ESSE SER ORA AJUDAVA O POVO E ORA OS PUNIA OU CASTIGA, QUE DEUS É ESSE QUE FAZIA AS DUAS COISAS ALEM DE PEDIR SACRIFÍCIOS EM SEU NOME? A RELIGIÃO ENTÃO RESOLVEU CRIAR O DIABO PARA DENOMINAR OS SERES NEGATIVOS. ENTÃO ESSES SERES POSITIVOS E NEGATIVOS SE TORNARAM DOIS INDIVÍDUOS OPOSTOS E SEUS SEGUIDORES ANJOS E DEMÔNIOS. 


No dia vinte e oito de Abril, durante o vigésimo quinto ano do nosso exílio — o décimo quarto depois de Jerusalém ter sido capturada — veio sobre mim a mão do Senhor, e numa visão, levou-me até à terra de Israel e me deixou sobre uma alta montanha, onde pude contemplar aquilo que me pareceu ser uma cidade, em frente de mim. 3 Ao aproximar-me vi um homem cuja aparência era como a do bronze e que estava em pé diante do portão do templo, segurando na mão uma fita para medir e uma vara, também para fazer medições.
4 Disse-me assim: “Homem mortal, vê e escuta bem tudo o que mostrar e grava-o no teu coração; foste trazido até aqui para que te possa mostrar muitas coisas; depois, regressarás ao povo de Israel e contar-lhe-ás tudo o que observaste.”

A porta oriental para o átrio exterior

5/6 O homem começou então a medir a parede limitando a área exterior ao templo com a sua vara de medição, que tinha 3,5 metros de comprimento. Disse-me: “Esta parede tem 3,5 metros, tanto de altura como de largura”. Depois, levou-me até à passagem que dá para o muro de leste. Subimos sete degraus até ao átrio de entrada: tinha 3,5 metros de largo.

7/12 Indo através da passagem referida, vi que havia três compartimentos para guardas de cada lado, cada um deles era quadrado, com 3,5 metros de lado, e estavam separados 3 metros uns dos outros. Diante destes compartimentos havia um umbral de 45 centímetros de altura e 45 centímetros de largura. Do outro lado dos compartimentos havia um vestíbulo de 3,5 metros dando para um átrio com 4,5 metros, e colunas de um metro. Do outro lado do átrio, na outra extremidade da passagem, havia um vestíbulo de 7 metros e meio de largura e 5 metros e 75 centímetros de comprimento.

13/16 Depois mediu toda a largura exterior da porta, desde o telhado duma câmara até ao telhado da outra: 14,5 metros; fez a estimativa dos pilares de cada lado dos pórticos: mais ou menos 10 metros de altura. Todo o comprimento da passagem de entrada era de 29 metros, de uma à outra extremidade. Havia também janelas, que estreitavam para o interior, através das paredes, de ambos os lados da passagem e nas paredes das câmaras. Havia também janelas à saída e à entrada dos vestíbulos. Os pilares eram decorados com palmeiras.

O átrio exterior

17/19 Depois levou-me ao átrio exterior. Havia um pavimento de pedra em toda a volta, da parte de dentro das paredes; e viam-se trinta quartos construídos contra as paredes, e dando para este pavimento. A isto chamava-o o pavimento inferior. A distância das paredes até ao pavimento era a mesma da extensão da passagem da entrada. Mediu a parede do outro lado do átrio exterior do templo e achou a medida de 58 metros.

A porta do norte

20/23 De seguida, deixou a passagem oriental e dirigiu-se para a que passa pela parede do norte, medindo-a. Aqui também havia três câmaras de guarda de cada lado, e todas as medidas foram as mesmas da passagem anterior — 29 metros de comprimento e 14,5 metros, de lado a lado. Havia janelas, um átrio de entrada e decorações com palmeiras, tal como do lado oriental. Sete degraus conduziam ao vestíbulo interior. Aqui, na entrada do norte, tal como na do leste, se alguém entrasse através da passagem para o átrio e o atravessasse, vinha a encontrar-se com um muro interior no qual havia um corredor que dava para outro átrio interior. A distância entre as duas passagens era de 58 metros.

O portão do sul

24/27 Depois levou-me de volta para o portão do sul, mediu as várias secções das suas passagens, verificando que eram as mesmas medidas das anteriores. Tinha também janelas nas paredes, tal como as outras e um átrio de entrada. E também à semelhança das outras, tinha 29 metros de comprimento e 14,5 de largura. Havia igualmente uma escada de sete degraus que levava até lá; viam-se semelhantes decorações com palmeiras, nas paredes. Aqui também, quem caminhasse pela passagem para o átrio chegava a um muro interior no qual encontrava uma abertura por onde se ia ter a um átrio interior. A distância entre as duas passagens era pois de 58 metros.

As portas para o átrio interior

28/31 Levou-me então ao átrio interior pela porta do sul, e achou as mesmas medidas que anteriormente. As suas câmaras, pilares e vestíbulos eram idênticos aos outros. Tinham também janelas em volta. E mediam igualmente 29 metros por 14,5 de largo. A única diferença era que havia aqui oito degraus em vez dos sete das outras. Também se encontravam aqui as decorações com palmeiras nos pilares.

32/34 Depois levou-me ao átrio interior pelo caminho do oriente fazendo as mesmas medidas, e encontrando os mesmos resultados. As câmaras, os pilares, os vestíbulos eram do mesmo tamanho. Viam-se as mesmas janelas nas paredes. Media 29 metros de comprido e 14,5 de largo. Os seus vestíbulos estavam defronte do átrio exterior; havia decorações de palmeiras nas colunas; mas contavam-se oito e não sete degraus como antes, para chegar até à entrada.

35/37 Guiou-me à porta do norte e fez as mesmas medições: As câmaras, os pilares e os vestíbulos eram semelhantes às outras; tinha 29 metros de comprimento e 14,5 de largura. O vestíbulo estava em frente do átrio exterior e tinha pinturas de palmeiras nas paredes de cada lado da passagem de acesso. Havia também oito degraus aqui para chegar até à entrada.

O espaço para preparação dos sacrifícios

38/43 Uma porta neste vestíbulo dava acesso a um espaço onde a carne para os sacrifícios era levada antes de ser transportada para o altar; havia de cada lado da passagem de acesso duas mesas onde os animais eram degolados para serem apresentados em holocausto, como oferta pelo pecado e como oferta pelas culpas, no templo. Fora do átrio de entrada, de cada lado das escadas de acesso à entrada do norte, havia mais duas mesas ainda. Assim, ao todo, viam-se oito mesas, quatro do lado de fora e quatro no interior, onde os sacrifícios eram preparados. Havia também quatro mesas de pedra onde se encontravam os instrumentos necessários para aquele serviço de preparação dos animais. Estas mesas tinham cerca de 80 centímetros de lado; eram quadradas; mediam 53 centímetros de altura. Viam-se ganchos de uns 10 centímetros de comprimento presos às paredes do átrio de entrada e nas mesas onde a carne devia ser posta.

Câmaras para os sacerdotes

44 No átrio interior havia duas câmaras, uma junto à entrada do norte, virada para o sul e outra junto à entrada do sul, virada para o norte.

45/46 Disse-me depois: “A câmara junto à entrada do norte é para os sacerdotes que têm a responsabilidade de guardarem o templo. A outra junto à entrada do sul é para os sacerdotes que se ocupam do altar — os descendentes de Zadoque — porque só eles, de entre todos os levitas, podem chegar-se ao Senhor para o servir.”

47 Depois mediu o átrio interior: era quadrado, com 58 metros de largura; havia um altar no pátio, diante do templo.

O templo

48/49 Levou-me ao vestíbulo do templo. Subia-se até lá por dez degraus. As suas paredes formavam pilares, dois de cada lado, com 3 metros de espessura, cada um. A entrada tinha 8 metros de largura, e as suas paredes eram de 1,75 metros. Assim, o átrio de entrada tinha 11,5 metros de largo e 6,5 metros de comprido.

41 1/2 Seguidamente levou-me à nave do templo, a parte mais espaçosa do templo e mediu os seus pilares. Eram quadrados, com 3,5 metros de lado. A largura da entrada era de 5,75 metros; e tinha 3 metros de fundo. A nave só por si tinha 23 metros de comprimento e 11,5 metros de largura.

3/4 Depois entrou no compartimento ao fundo da nave e mediu as colunas de entrada, que eram de um metro de espessura. A largura da entrada desse quarto era de 3,5 metros com um vestíbulo de 4 metros de fundo, por detrás. Esse compartimento era quadrado e tinha 11,5 metros de lado. “Este”, disse-me ele, “é o lugar santíssimo”.

5/7 Mediu a parede do templo e constatou que era da espessura de 3,5 metros com uma série de câmaras laterais em toda a volta. Cada uma dessas câmaras tinha 2,25 metros de largura. Estas câmaras estavam construídas em três fileiras que se sobrepunham; cada fileira tinha trinta câmaras. Toda a estrutura estava suportada por vigas e não estavam presas à parede do templo. Cada fileira era mais largo do que a que estava por baixo correspondendo à estrutura do templo, em altura. Havia uma escada de acesso, de andar para andar.

8/9 Notei que o templo estava construído sobre uma plataforma e que a última fila de câmaras se sobrepunha, em 3,5 metros sobre essa plataforma. A parede exterior dessas câmaras tinha 3 metros de espessura; e ficou um espaço vazio, das câmaras laterais, que estava junto ao templo.

10/11 Onze metros e meio afastada da plataforma, de ambos os lados do templo, havia uma fila de câmaras, em baixo, no pátio interior. Duas portas abriam-se, da fileira de câmaras sobre a plataforma, que tinha 3 metros de largura; uma delas virada para o norte e a outra para o sul.

12/16 Havia um grande edifício que se erguia a ocidente, diante do átrio do templo, e que media 40,75 metros de largura, por 52,5 metros de comprimento. As paredes tinham três metros de espessura. Então mediu o templo e também os espaços de separação em volta. Era uma área de cinquenta e oito metros quadrados. O pátio interior, a oriente do templo, tinha também 58 metros de largo, e igual a este era também o edifício a ocidente do templo, incluindo as suas duas paredes.

A nave do templo, o lugar santíssimo e o átrio de entrada estavam cobertos de madeira; e estes três lugares tinham igualmente janelas recuadas. Quanto às paredes interiores do templo, eram da mesma foram revestidas de madeira tanto na parte de cima como na parte de debaixo das janelas. 17/20 O espaço acima da parte que conduzia até ao lugar santíssimo também estava revestido de madeira. As paredes eram decoradas com incrustações representando querubins, cada um deles com dois rostos e intercalados alternadamente com palmeiras. Um dos rostos — como um rosto humano — olhava para a palmeira que estava de um lado; o outro — como rosto de um leão — estava virado para o lado da outra palmeira. E era assim em toda a volta da parede interior do templo.

21 Havia ombreiras em todas as portas da nave do templo, e em frente do lugar santíssimo encontrava-se algo que tinha a aparência de um altar, mas que era feito de madeira. 22 Este altar era quadrado, com um metro de lado e 1,75 metros de altura; os seus cantos, a sua base e os lados eram de madeira. “Isto”, disse-me ele, “é a mesa do Senhor”.

23/26 Tanto a nave do templo como o lugar santíssimo tinham duplas portas, cada uma com dois batentes volantes. As portas que conduziam à nave do templo tinham querubins como decoração, além das palmeiras, tal como as paredes. Uma trave grossa estava atravessada por cima do vestíbulo de entrada. Havia janelas recuadas e palmeiras trabalhadas na madeira, de ambos os lados do átrio de entrada, e também nos vestíbulos laterais do templo e nas grossas traves da entrada.



O que Sabemos não é tudo que Existe - Parte 188 O OVO DA SERPENTE



"Deusa serpente vestida de plumas e enrarecida por azul veneno, febre ancestral inoculada por migrações de asas e formigas, tremedais, borboletas de aguilhão ácido, madeiras avizinhando-se do mineral, por que o coro dos hostis não defendeu o tesouro?" (Pablo Neruda - Canto Geral)




Essa é uma das últimas imagens do jovem Igor Dyatlov, líder de uma aventura trágica e cujo sobrenome veio a batizar um local sinistro, até hoje amaldiçoado, situado lá pelo lado Norte dos Montes Urais:


Pois, como é possível a inexplicável e misteriosa morte de nove experientes esquiadores soviéticos, permanecer envolta no mais denso mistério por quase 50 anos? Eis o que de fato ocorreu no distante ano de 1959 nos Montes Urais, tendo ficado conhecido como "O Mistério da Passagem Dyatlov". Tudo começou com uma alegre expedição do grupo dos jovens àquelas geladas montanhas e terminou de modo brutal e trágico, precisamente em uma certa noite, bem no refúgio do seu acampamento.


Posteriormente, à procura do grupo desaparecido, equipes de resgate se depararam naquele local com cenas terríveis e dignas do mais puro e aterrorizante pesadelo - um pesadelo real, porém personificado mediante coisas que definitivamente não pareciam ser deste mundo:


Havia corpos espalhados por todas as partes, além dos vestígios de que alguma coisa muito terrível e além da imaginação ocorrera com aqueles jovens esquiadores:


Estranhamente, as grossas lonas da sua barraca de acampamento foram rasgadas DE DENTRO PARA FORA, uma força violenta emanada por alguma coisa sinistra e não identificada que os fez correrem desesperadamente e em absoluto pânico para o meio da gelada vastidão daquelas montanhas, descalços e usando ainda as suas vestes de dormir!


Por outro lado, estranhos fragmentos calcinados forma encontrados nas proximidades do local daquela inusitada tragédia. Alguns corpos estavam espalhados - um deles a mais de dois quilômetros do local do desconhecido ataque, denotando assim o total desespero das vítimas. Devido ao fato de as investigações terem sido abruptamente encerradas e as suas conclusões oficiais classificadas como "altamente secretas" pelas autoridades e, portanto, para o público em geral sem quaisquer explicações lógicas, na época o Premier soviético externou suas condolências às enlutadas famílias dos nove jovens usando uma expressão altamente sutil: - "Não sei o que aconteceu ali... Eles correram dois quilômetros da tenda, nus e cegos. As autópsias revelaram terríveis anomalias.... Minhas condolências às famílas das vítimas" . O que tornaria sutil essas afirmações? Justamente o fato de o Premier ter usado essa expressão "vítimas", e não "mortos", se acaso tivesse se tratado de um acidente..... Mas "vítimas" exatamente DE QUÊ?


Há pistas! O exame dos corpos dos nove jovens revelou coisas ainda mais assustadoras: todos estavam sem as línguas; olhos horrivelmente projetados para fora das órbitas, pupilas fundidas; além de fortes fraturas corporais semelhantes aos esmagamentos que ocorrem nas colisões automobilísticas, porém sem quaisquer ferimentos externos! Seus cabelos estavam totalmente embranquecidos, como se súbita e inexplicavelmente tivessem envelhecido por mais de cinqüenta anos; suas peles como que queimadas - estranhamente alaranjadas - apresentando uma espécie de "bronzeamento" pútrido e sinistro! E não se tratou de qualquer ataque de animais, ou homicídios em série praticados por algum psicopata, tampouco envolvendo qualquer experiência de natureza militar ou científica nas proximidades. O quê teria sido, então, aquilo que as perplexas autoridades definiram como tendo sido "Uma força terrivelmente desconhecida" a responsável pela tragédia - ainda mais pelo fato de aquilo que os tenha atacado não ter deixado marcas?


A resposta? UFOS NO CÉU RONDANDO A ÁREA! Tudo, então, é mesmo como sempre afirmamos nos nossos livros e neste Site: muito embora certos setores mais otimistas insistam em negar, enxergando a coisa com "olhos cor de rosa", além de promoverem muitas expectativas de contatos: - NÃO devemos encarar com esperanças ou mesmo benevolências a presença de certos UFOs e dos seus tripulantes por aqui - uma vez que há perigo: alguns deles SÃO HOSTIS AO PLANETA E LETAIS À PRÓPRIA ESPÉCIE HUMANA! Como de fato, testemunhas das proximidades informaram às autoridades militares e do Serviço Secreto Russo (KGB) as quais investigavam o caso, o fato de que várias enormes luzes alaranjadas foram vistas no céu, exatamente por sobre aquela área da tragédia! A ilustração acima nos mostra um esquema detalhado do que teria sido o ataque àqueles desditosos esquiadores. Note-se que os apavorados jovens tentaram desesperadamente fugir, tendo sido os seus corpos horrivelmente mutilados encontrados a uma grande distância da barraca retalhada. O UFO no céu é bem destacado na representação da cena. (IMAGEM: © Vadim Chernobrov)


E os relatos quanto aos exames dos corpos do Caso Dyatlov, além de se apresentarem altamente radioativos, quando especificam a existência de "fortes fraturas semelhantes aos esmagamentos que ocorrem nas colisões automobilísticas, porém sem quaisquer ferimentos externos", podem ter escondido uma verdade terrível e não divulgada pelas autoridades soviéticas, tal como ocorreu nesse antigo caso visto acima - 1988, no Brasil, em São Paulo, na Represa de Guarapiranga - onde um corpo humano foi encontrado literalmente sugado do seu sangue e dos órgãos internos, apresentando, justamente por esse motivo, fortes depressões nas regiões torácica e abdominal, as quais, no caso da URSS, podem ter sido confundidas com "esmagamentos". E, detalhe mais sutil, nenhuma pegada ou marcas ao redor, como se esse corpo tivesse sido jogado do céu!


Como também, ainda com relação ao Caso Dyatlov, há informações de que os rostos das vítimas apresentavam "retalhamentos", uma expressão sutil para indicar que ocorreram mutilações idênticas às desse cadáver encontrado aqui no Brasil - este, por sua vez, um caso também tão inusitado (notadamente em face da tecnologia cirúrgica desconhecida empregada), que levou os perplexos legistas brasileiros a declararem que : - "Isso não é coisa deste mundo"! E por que exatamente as autoridades soviéticas não permitiram fotos dos corpos mutilados dos nove jovens?


Estranho? Sim, claro, e também nos remete a um outro caso de certa forma idêntico e igualmente jamais esclarecido, ocorrido em 17 de agosto de 1966, também aqui no Brasil, precisamente na Cidade de Niterói, antiga capital do Estado do Rio de Janeiro, onde, no topo do desértico Morro do Vintém, a Polícia encontrou no dia 20 daquele mesmo mês os corpos de dois jovens radiotécnicos que de modo misterioso morreram juntos - ao mesmo tempo e sem qualquer explicação! Ambos usavam máscaras de chumbo, unicamente protegendo os olhos, daí o rumoroso caso ter ficado conhecido como 'O Mistério das Máscaras de Chumbo". Ao lado deles, estranhos bilhetes contendo expressões tais como: - "16:30 hs estar no local determinado. 18:30 hs ingerir cápsulas laranjas, proteger metais e aguardar o sinal combinado". As autópsias efetuadas nos corpos estranhamente NADA revelaram quanto às razões da causa mortis: nenhuma lesão internaisentos de quaisquer sinais de violência, órgãos preservados, nenhuma contaminação tóxica ou química, ou sequer por radioatividade - eles simplesmente tiveram as vidas "sugadas" sem qualquer explicação!....


..... As autoridades policiais brasileiras encerraram o estranho Caso das Máscaras de Chumbo como "mortes não esclarecidas", o que perdura até hoje cabendo, entretanto, na época, à Imprensa, sempre especulativa, elucidar o caso. Suas famílias revelaram que ambos andavam envolvidos em experiências destinadas a manter contatos com UFOs e os seus tripulantes! Moradores residentes na parte baixa do morro, assim como automobilistas que trafegavam pela rodovia próxima, revelaram que naquela noite fatídica, de fato, um estranho objeto voador, ovóide e muito luminoso, lançava raios azulados ao sobrevoar aquela área. Como fator mais misterioso, ainda hoje o local onde os seus corpos foram encontrados, contrastando com tudo ao redor, acha-se perfeitamente demarcado e desprovido de qualquer forma de vegetação! (FOTO: INFA)


Com a extinção da União soviética, tudo aquilo que foi severamente guardado e suprimido no tocante aos UFOs naquele país pôde finalmente vir à tona e, assim, chegar ao Ocidente - normalmente cético com relação ao fenômeno. Provando assim que mesmo todo o poderio da extinta URSS foi incapaz de se manter alheio e preservado da invasão silenciosa e furtiva dos UFOs! Um vídeo tomada pela extinta KGB (o temido Serviço Secreto Russo) nos mostra as claras e indiscutíveis cenas do resgate de um Disco Voador acidentado em Sverdlovsk no ano de 1969. (FOTO: © TNT)


No objeto voador desconhecido - que se embatera violentamente contra o solo, chegando até mesmo a nele penetrar e cuja estrutura era repleta de sinais e símbolos incompreensíveis - foram inclusive resgatados os corpos dos seus tripulantes humanóides, cujas autópsias igualmente chegaram a ser filmadas! (FOTO: © TNT)


Não há, portanto, como negar ou contestar esse muito espinhoso fenômeno que se manifesta em nível mundial! Hoje já há maior liberdade de expressão e informação na Rússia, a a ponto de - conforme nos diz essa manchete de jornal - os seus cientistas confirmarem a aterrissagem de um brilhante disco - ou seja, TACITAMENTE já podem dizer aquilo que foram obrigados a silenciar por durante muito tempo: RECONHECEM A EXISTÊNCIA DO FENÔMENO!


Aliás, não poderia mesmo ser de outra forma, já que essas intrigantes máquinas voadoras, ou melhor dizendo, os seus misteriosos tripulantes advindos sabe-se lá de onde, são notórios especialistas nos sentido de ignorarem fronteiras, barreiras ou ainda severas proibições restritivas dos mais bem vigiados e protegidos espaços aéreos..... Ainda mais quando milhões de testemunhas em todo o mundo já estão cansadas de vê-las cruzando os céus! Na foto acima, uma dessas máquinas fantásticas desafiava abertamente o agudamente vigiado espaço aéreo russo. Na parte inferior da imagem, vemos uma nítida ampliação do UFO.


Sim, a verdade, por mais que ciosamente oculta, sempre vem à tona - quer queiram ou não alguns setores contrariados. Como, por exemplo, foi o caso da misteriosa explosão ocorrida na região siberiana de Tunguska, em 1908, equivalente à detonação de uma bomba nuclear de 40 megatons e que devastou um enorme área de florestas. Apesar de as testemunhas terem declarado que se tratava de um objeto inteligentemente controlado (e que inclusive efetuava desesperadas manobras no sentido de evitar uma colisão contra o solo), as autoridades científicas, militares e de segurança da extinta União Soviética se limitaram a classificar o evento como tendo sido "a simples queda de um meteoro". Mas, teria sido isso mesmo?


De maneira alguma! Hoje, mediante a liberdade de informação vigente na Rússia, foi finalmente divulgado por uma agência de notícias chinesa que no local da suposta queda do tal "meteoro", foram encontrados FRAGMENTOS que provam o evento em Tunguska ter realmente se tratado da QUEDA E DA EXPLOSÃO DE UM UFO!....


...... Evidências fortíssimas, indiscutíveis fragmentos que revelam uma origem inteligente da estranha máquina voadora que explodira em Tunguska naquela distante ano!.....


...... Todos eles contendo estranhos caracteres e símbolos não pertencentes a qualquer cultura que tenha existido neste planeta! Claro, pois o Presidente da Tunguska Space Phenomenon Research Foundation oficialmente declarou que tais fragmentos, exaustivamente testados em Moscou e Krasnoyarsk no ano de 2006 revelaram ser, de fato, "escritas de natureza extraterrestre e" - vejam só - "ORIGINÁRIAS DA ESPAÇONAVE QUE EXPLODIU EM TUNGUSKA"!


O hermético Ovo da Serpente, então, se rompe! Essa antiga foto, somente agora divulgada, nos remete ao Estado Norte-americano do Mississipi, precisamente em uma localidade chamada Cape Girardeau, no distante ano de 1941. Nela, vemos um sacerdote ao lado de autoridades militares. O quê, então, poderia ter demais, ou mesmo de estranho, nisso?.....


.... NADA, nada mesmo, a não ser, claro, o fato de que o tal sacerdote fora chamado por atônitos populares das redondezas justamente para administrar sacramentos aos corpos de três criaturas humanóides, resgatadas em meio aos destroços de um UFO acidentado no local (FOTO)! O supremo azar daqueles que escondem e suprimem a verdade é que tem sempre alguém que fotografa e esconde essas evidências até que surja um momento, ou uma época mais propícia, para revelá-las. Essas fotos foram divulgadas pela própria família do Reverendo William Huffman, justamente aquele que foi chamado ao local da queda do UFO, tendo ele inclusive chegado bem próximo ao Disco e relatado a visão de estranhos hieróglifos no seu interior. o Reverendo Huffman foi obrigado a jurar segredo sobre tudo aquilo que testemunhara, assunto este logo abafado e os restos do objeto confiscados pelas autoridades militares e agentes do FBI. Pois é, foi algo que representou uma verdade cristalina: - seis anos antes de Roswell, UFOs já caíam no Território Norte- americano!


E esse não se trata de um problema exclusivamente antigo, visto que essas criaturas ainda hoje continuam rondando por aqui! Recentemente, na Noruega, precisamente em 2005, furtivamente e em meio a um bosque, a imagem da câmera flagrou a presença de três delas!.... (FOTO: © M. I.)


..... Aqui perfeitamente vistas na imagem colocada em negativo. Esquálidas, furtivas, misteriosas - talvez ali CAÇANDO as suas presas mais desavisadas! (FOTO: © M. I.)


Sempre muito furtivamente, sem dúvida, e com objetivos obscuros, talvez sinistros, essas criaturas pálidas e humanóides, (de acordo com todas as evidências de que dispomos, as mais perigosas que circulam pelo nosso planeta), esgueiram-se em meio às mais diversas paisagens e em todas as partes do mundo - tal como malditos camaleões, muitas vezes se camuflando aos olhos humanos! Essa imagem, por sua vez, tomada em Porto Rico, nos mostra mais uma delas, bem na parte inferior direita da foto. Quem tomou a foto certamente não a viu, talvez escapando de ser a próxima vítima, pois a criatura confundia-se muito bem com a rocha próxima....


...... E não há muito o que se discutir: claramente um alien da tipologia gray, provando assim que essas criaturas realmente existem!


O que, aliás, não representa novidade alguma, uma vez que as grandes potências mundias sabem muito bem disso, tanto que há muito já detêm na suas mais secretas instalações os corpos de alguns dos tripulantes dessas naves! A foto acima, ao que se saiba supostamente tomada nas dependências da famosa Área 51 - situada nos subsolos do Deserto de Nevada, EUA - nos mostra um militar posando diante do sarcófago que preserva o corpo de uma dessas estranhas criaturas!


Coisas estranhas que circulam, de fato, pelo nosso mundo! Recentemente, em uma pequena província de Salta, Argentina - uma região, por sinal, constantemente assolada pela presença dos UFOs - uma outra bizarra criatura humanóide foi flagrada em março de 2007 esgueirando-se em meio à solitária paisagem de um cemitério, assustando um grupo de jovens que o fotografou. E não parece ter se tratado da brincadeira de algum engraçadinho, pois a coisa, além de excessivamente pequena, ostentava um rosto tipicamente gray - possivelmente uma criatura híbrida, resultante das experiências e dos famigerados cruzamentos genéticos que esses seres, também à força, efetuam por aqui usando as nossas indefesas mulheres como suportes!


São, inegavelmente, presenças misteriosas e muito mais antigas do que se possa pensar! Pois, também nesse particular e no que tange à Arqueologia, certas evidências são rigorosamente ocultadas e censuradas. Na foto acima, tomada em um sítio arqueológico pré-histórico e obviamente não revelado, vemos aquilo que parece ser a presença dos restos de um humanóide gray - fossilizado talvez há muitos milhões de anos! Note-se que até mesmo a espécie de macacão que usava foi de certa forma preservada! Muito possivelmente, pode ser que a criatura, surpreendida e sem chance de escapar, tenha perecido em meio à lava em ebulição, um tipo de acidente bastante usual naqueles remotos tempos.


As provas são, portanto, conclusivas, esmagadoras, extremamente cristalinas! Bolívia, ruínas incas de Samaitapa! Observe com atenção aquilo que está gravado nesse pedaço de rocha - rocha que foi cortada, certamente suprimida de um monumento maior e infinitamente mais revelador, tudo de modo a darem o devido sumiço naquela sua imagem extremamente embaraçosa e sobretudo muito "indigesta": - a muito expressiva e nítida representação de um UFO, o UFO certamente dos antigos "deuses" - OUTROS seres, porém benevolentes, os quais, por por seu turno, segundo as mais antigas Tradições, foram os responsáveis diretos pela evolução da nossa humanidade!


Ovo da Serpente, mistérios que nos envolvem por todos os lados nessa vastidão incomensurável e maravilhosa que nos cerca. Pois, há, de fato, muitas coisas situadas para mais além da nossa limitada compreensão do que possamos imaginar.


É tempo, pois, de reorientar pensamentos, rever certos conceitos ultrapassados; compreender, enfim, que ainda nos restam muitas coisas a descobrir - caminhos novos a percorrer, trilhas misteriosas a desvendar e a desbravar. Saber que dentro de cada ovo existe um embrião qualquer, por vezes dotado de uma rara beleza porém letal. A Serpente do conhecimento coloca, então, os seus ovos multicoloridos aqui e acolá. aguardando apenas e tão-somente o devido tempo da necessária gestação para que eles, finalmente, se rompam - liberando, assim, na Natureza os seus frutos - alguns enrarecidos por azul veneno, outros, todavia, inoculados por uma benéfica febre ancestral das mais antigas e esquecidas migrações de asas!







Noruega, governo se prepara para o fim dos tempos...



Carta de um politico norueguês sobre a preparação em segredo em seu país para o fim dos tempos. 


O Silo de Svalbard preservará cerca de 90% das sementes conhecidas existentes no mundo, doadas pelos países produtores. O silo foi construído no Monte Spitsein, em Svalbard, e é uma estrutura selada e inteiramente subterrânea



O Nome e uma prova de identidade foram fornecidos pelo político norueguês que resolveu falar, elas foram confirmados e omitidas para a sua segurança]

Fonte: http://www.projectcamelot.org/

Project CAMELOT: A  seguinte mensagem foi recebida por nós LOGO APÓS  nós termos feito a publicação da página do tributo a Benazir Bhutto. Embora nós não possamos atestar pessoalmente à informação dada aqui, nos sentimos na consciência do bem que seria a sua publicação.

A pessoa (um político norueguês importante e conhecido) que nos escreveu esta mensagem fez assim em seu próprio nome (que nós verificamos), e anexo a correspondência um número de fotografias dele com o primeiro ministro da Noruega e (separado) com Benazir Bhutto. Nós estamos certos de sua boa fé, mas vocês compreenderão que nós não podemos revelar seu nome real ou publicar nenhuma foto sem seu consentimento. O conteúdo desta mensagem, se verdadeiro, poderia ser muito mais importante (como parece ser o caso).
O CONTEÚDO DA CARTA ENVIADA  PELO POLÍTICO AO PROJETO CAMELOT:

“Eu sou um político norueguês. Eu gostaria de dizer que coisas difíceis acontecerão do ano 2008 até o ano 2012. O governo norueguês está construindo bases e depósitos cada vez mais subterrâneos. Quando perguntados, lhes dizem simplesmente que é para a proteção dos povos da Noruega. Quando eu inquiro quando deverão ser terminados, respondem “antes de 2011“.

Israel igualmente está fazendo o mesmo e muitos outros países também (China, Espanha, EUA, Noruega, Rússia …).

Minha prova de que o que eu estou declarando e é verdadeiro está nas fotografias que eu emiti de mim mesmo com todos os ministros e primeiro ministro norueguês, equipe da qual eu faço parte. Todos eles sabem tudo sobre este assunto, mas não querem alarmar os povos ou criar o pânico maciço.

O planeta X, uma Estrela Anã Marrom está vindo, e a Noruega começou com o armazenamento de alimentos e de sementes na área de Svalbard e no norte ártico e ao redor de toda Noruega com a ajuda dos E.U.A. e da União Européia. Conservarão somente aquelas pessoas que são da elite no poder e aqueles que podem ser úteis na criação de uma nova civilização: doutores, cientistas, médicos, e assim por diante.

Quanto para a mim, eu já sei que eu estou saindo antes de 2012 para ir a área de Mosjøen onde nós temos uma instalação militar subterrânea profunda. Nós somos divididos lá em setores, em vermelho, em azul e em verde. Os sinais das forças armadas norueguesas já nos foram dados  e os acampamentos foram construídos já há muito tempo.

A população que esta sendo deixada na superfície irá morrer sem receber qualquer tipo de ajuda. O plano é que cerca de 2.000.000 de noruegueses serão salvos nas instalações subterrâneas, e o resto morrerá. Isso significa que 2.600.000 (o resto da população norueguesa) perecerão na noite em que não saberão o que fazer para ficarem vivos.

O Svalbard Global Seed Vault é um banco de sementes de alta segurança localizado na ilha norueguesa de Spitsbergen perto da cidade de Longyearbyen, no remoto arquipélago Ártico de Svalbard. O mecanismo foi criado para preservar uma grande variedade de sementes de plantas de todo o mundo em uma caverna subterrânea hermeticamente selada/fechada (n.t.contra qualquer possível catástrofe futura.)

Todos os setores e arcas são conectados com os túneis e têm os railcars que podem ir de uma arca à outra. Isto é de modo que possam ter contato recíproco. Somente as grandes portas separam-nos de modo que os setores não sejam comprometidos de nenhum modo.

Eu estou muito triste. Freqüentemente eu grito com os outros que sabem que muitas pessoas descobrirão demasiado tarde alguma coisa, e então tudo se acabará para eles que ficarem na superfície. Os governos (n.t. dos principais países do planeta) têm mantido em sigilo esta informação dos seus povos desde 1983 até agora. Todos os políticos principais sabem disto na Noruega, mas poucos a dirão aos povos e ao público – porque estão receosos caso de que perderão seus lugares no projeto NOAH 12 e suas viagens nos railcars que os levarão aos locais da arca onde estarão seguros.

Abaixo a tradução da notícia acima: Por Thomas O’Toole, Washington Post, da equipe de redação – sexta-feira 30 dezembro, 1983; Página A1.

“Um corpo celeste possivelmente tão grande como o gigantesco planeta Júpiter e, possivelmente, tão perto da Terra que seria parte deste sistema solar foi encontrado na direção da Constelação de Órion por um telescópio em órbita a bordo do satélite astronômico infravermelho dos EUA (Infrared Astronomical Satellite-IRAS). 

Tão misterioso é o objeto que os astrônomos não sabem se ele é um planeta, um cometa gigante, uma ”proto-estrela” próxima que nunca ficou quente o suficiente para se tornar uma estrela, uma galáxia distante tão jovem que ainda está em processo de formação de suas primeiras estrelas ou uma galáxia tão envolta em poeira que nenhuma das suas estrelas ainda é visível. 

“Tudo o que posso dizer é que não sabemos o que é”, disse em uma entrevista, o Dr. Gerry Neugebauer, o cientista chefe do IRAS para o JPL-Laboratório de Propulsão a Jato da Califórnia e diretor do Observatório Monte Palomar, do Instituto de Tecnologia da Califórnia, a explicação mais fascinante deste misterioso corpo, que é tão frio que não lança luz e nunca foi visto por telescópios ópticos na Terra ou no espaço, é que ele é um planeta gigante gasoso tão grande como Júpiter e tão perto da Terra em 50 trilhões de quilômetros. 

Embora isso possa parecer uma grande distância em termos terrestres, é uma curta distância em termos cosmológicos, tão perto, de fato, que seria o corpo celeste mais próximo da Terra além do mais externo planeta Plutão. ”Se ele esta realmente tão perto, seria uma parte do nosso sistema solar,” disse o Dr. James Houck do Centro de Rádio Física da Universidade Cornell.

Se falarem à qualquer um, estarão inoperantes certamente, não serão resgatados. Mas eu não me importo mais comigo mesmo. A humanidade deve sobreviver e a espécie deve sobreviver. Os povos devem saber deste fato.

Todos os governos no mundo estão cientes deste fato para (além de) 2012 e apenas dizem que está para acontecer (n.t. VAI ACONTECER EM ABRIL DE 2018). Para aquelas pessoas que podem se salvar a si mesmos eu posso somente dizer para procurar uma terra em local mais elevado e encontrar cavernas acima nos lugares elevados onde você pode ter um armazenamento de alimento de no mínimo cinco anos com alimento enlatado e armazenar água pura para um mesmo período.

Os comprimidos e as roupas que protejam contra radiação solar são igualmente aconselháveis se seu orçamento permitir. Pela última vez eu digo que Deus poderia ajudar-nos a todos… mas Deus não nos ajudará eu sei. Somente cada pessoa individualmente pode fazer diferença para si própria. Acordem, por favor…!

Eu poderia ter-lhes escrito usando um outro nome mas eu não estou receoso de qualquer coisa mais. Quando você sabe determinadas coisas, você se torna invencível e nenhum dano pode advir-lhe quando você sabe que o fim esta próximo.

Eu asseguro-lhes em 100% que essas coisas acontecerão. Há quatro anos para preparar-se para o fim do jogo (Hoje o período seria muito menor). Pegue em armas, e faça grupos de sobrevivência, e um lugar onde você possa estar seguro com alimento por um longo período.


Svalbard Global Seed Vault-Entrada.

Pergunte-me qualquer coisa e eu responderei sobre tanto quanto eu sei sobre a conexão norueguesa em relação a tudo. Basta apenas olhar ao redor: estão construindo bases e depósitos subterrâneos em toda parte.

Abram seus olhos, povos da Terra. Perguntem aos seus governos o que eles estão construindo, e eles dirão “oh, nós estamos apenas armazenamento alimentos e suas sementes”, e assim por diante. Eles lhes deixam cegos com todas as suas mentiras.

As marcas da presença alienígena, extraterrestre estão igualmente lá, e eu vejo freqüentemente os políticos noruegueses da elite não dizendo quem eles realmente são. É como se estivessem controlados em cada pensamento, e o que têm que dizer é apenas porque são ditos para fazerem as coisas de tais maneiras. É muito claro para mim quem são, e quem não são. Você pode vê-lo em seus olhos e em suas mentes.


Imensas instalações subterrâneas foram escavadas na rocha bruta em SVALBARD

O público (n.t. como sempre ignorante e inconsciente dos fatos) não saberá o que acontecerá até próximo do fim porque o governo não quer criar o pânico maciço antes do final de 2012. Tudo acontecerá quietamente e o governo apenas desaparecerá da superfície.

Mas eu digo isto: não entre quietamente na noite. Tome precauções para estar seguro com sua família. Reúna-se junto com outros. Trabalhem em conjunto para encontrar maneiras de resolver todos os muitos problemas que você enfrentará.”

Considerações amáveis

[Nome e prova de identidade fornecidos foram confirmados e omitidos por segurança]

Publicado originalmente em setembro de 2012.





Total de visualizações de página

Página FaceBook