BARRA ANIMADA


Translate

SEJA BEM VINDO


BARRA 2


Mensagem


A Frequência Fotônica Pleiadiana e a Nova Era do Fóton


sexta-feira, 17 de julho de 2015

O que Sabemos não é tudo que Existe - Parte 193 FATOS, HIPÓTESES E ESTRANHAS "COINCIDÊNCIAS"



"Se você vivesse a dois ou três milênios, não seria vergonhoso afirmar que o Universo foi feito para nós. Era uma tese atraente, conciliável com tudo o que conhecíamos; era o que os mais cultos dentre nós ensinavam sem ressalvas. 
Mas descobrimos muitas coisas desde então. Defender essa posição hoje em dia significa desconsiderar propositadamente a evidência e fugir do autoconhecimento" (Carl Sagan - Um Pálido Ponto Azul)




Na misteriosa Ollantaytambo, Peru, local onde existem as enormes muralhas rochosas elaboradas por uma desconhecida civilização pré-incaica, até mesmo as montanhas mais próximas nos revelam coisas muito inusitadas. Assim como, por exemplo, esse gigantesco rosto de um passado distante esculpido, não se sabe como, em um íngreme paredão rochoso!


Reveja em uma imagem com maior aproximação. A riqueza de detalhes desse insólito monumento não é simplesmente chocante? Repare no olho (inclusive com a respectiva pupila), na boca e também na barba do personagem retratado! Só faltam mesmo os céticos - como costumeiro - afirmarem que isso também teria sido "meramente uma obra da erosão".


Porém, não se pode jamais negar tudo aquilo que é óbvio. Nos EUA esse desolado canyon tem gravados os rostos de estranhas entidades, muito possivelmente alienígenas! Aliás, o o local é mesmo popularmente conhecido como " Alien Canyon"!


E também no Colorado, EUA, essas enormes montanhas foram esculpidas sob a forma de bizarros rostos. Olhe a imagem com bastante atenção e poderá encontrar vários deles!


E no território do Peru, em meio às selvas hostis, as imagens dos satélites em maior aproximação conseguiram captar essas enormes estátuas representando curiosos rostos!


Montanhas inteiras e além de tudo altíssimas, esculpidas sob o formato de insólitos rostos? SIM; E isso, aliás, existe em profusão por todas as partes da Terra - como se fossem uma herança de um passado remoto, glorioso, ou talvez patético! Que fantástica tecnologia permitiu elaborar tais prodígios? E quem exatamente a detinha e a teria utilizado?


E também essa imagem tomada pelo satélite do Google nos mostra algo realmente muito curioso. Trata-se de uma região adjacente à famosa Área 51, no Deserto de Groom Lake, EUA, notória pelo fato de correrem fortes rumores de que teria nas suas instalações subterrâneas vários exemplares de UFOs acidentados, bem como inúmeros cadáveres resgatados e devidamente preservados de entidades alienígenas...... (FOTO: © Google Earth)


..... E aqui, mais uma curiosidade nas proximidades da Área 51 - onde, por sinal, estranhos objetos voadores têm sido vistos percorrendo o céu. Lembremos que a Área 51 é uma instalação altamente secreta, com acesso muito bem vigiado, e além do mais absolutamente proibido. As poucas e assustadas testemunhas crêem que possam ser naves secretas da Força Aérea Americana em fase de testes. Mas.... São estranhas máquinas voadoras, totalmente fora dos padrões convencionais! Então, essas curiosas marcas no solo forçosamente nos levariam a refletir: - desde o ano de 1947 existem suspeitas de que um "acordo" foi firmado entre os EUA e os humanóides grays, tudo em troca do fornecimento de tecnologia. E se esse famigerado "intercâmbio" ainda continuasse nos dias de hoje? E se essa óbvia sinalização fosse na verdade um sinal para aproximação dos perigosos "fornecedores" dessa tecnologia? (FOTO: © Google Earth)


Mas a nossa recente tecnologia dos satélites realmente nos mostra certas coisas bastante estranhas e curiosas. Aqui temos uma imagem do Planalto de Nazca, Peru - repleto de enigmáticas figuras voltadas para o céu. E as lentes desses satélites por vezes nos mostram algumas coisas que não são visíveis a olho nu, ou talvez muito bem camufladas, que não fazem parte da paisagem visível! Repare na parte superior dessa foto...... (FOTO: © Google Earth)


..... E que, raios, seria mesmo isso? Parecem antigas ruínas.... Ou, então, quem sabe, antiqüíssimas instalações subterrâneas muito bem camufladas?


E não há mesmo qualquer engano ou um eventual defeito nas lentes do satélite do Google. Essa outra foto, tomada por sobre a mesma região dessa feita pelo satélite da ESA, nos mostra os mesmos e muito curiosos "mosaicos" existentes na misteriosa Nazca. E é sempre bom lembrar que se trata de uma região desértica, inóspita, sem quaisquer cidades próximas ou mesmo preenchida por antigas ruínas. O quê seria então?..... (FOTO: ESA, por especial cortesia e colaboração do nosso estimado visitante Mariano)


...... Muito possivelmente as mesmas coisas do que estas!!! Ainda o satélite da ESA fotografou sobre essa outra região do nosso planeta alguns estranhos "mosaicos" que decididamente não fazem parte da paisagem física dos locais em que se situam. Que coisas mais inusitadas seriam mesmo essas? Quem sabe, seriam SINAIS holográficos somente detectados a partir do espaço sideral e "plantados" sabe Deus desde quando no nosso mundo, destinados à orientação de naves cósmicas desconhecidas que há muito nos visitam? Tudo mesmo é possível! (FOTO: © ESA)


E essas podem ser "visitas" muito antigas! Nos confins da Selva Amazônica Brasileira, a imagem de satélite em aproximação nos mostra o que parece ser ruínas no topo de uma cordilheira e, na lateral esquerda, possivelmente duas imensas pirâmides!!!


E o correspondente negativo não nos parece ser bastante explícito? Só não enxerga quem não quer!


Pois, nas profundezas das selvas amazônicas existem, de fato, os vestígios perdidos na noite dos tempos (e que, por sinal, não podem ser negados) de antigas culturas totalmente desconhecidas. Na foto o arqueólogo Gregory Deyermenjian que em 1996 se embrenhou nas selvas peruanas em busca de velhas pirâmides, tendo encontrado inúmeros e surpreendentes vestígios arqueológicos, tal como este curioso painel rochoso contendo estranhos sinais e um simbolismo muito antigo e não-identificado! (FOTO: © Gregory Deyermenjian)


"Por volta do Terceiro Milênio Antes de Cristo, inusitados e extraordinários acontecimentos mudaram a face do mundo. O planeta parecia ter sido invadido por seres de outros astros, implantando costumes inteiramente desconhecidos dos habitantes da Terra, inclusive a edificação de monumentos grandiosos, como se possuidores fossem de máquinas ultra-modernas. O sacerdote Maneton (Século III A.C.), autor de uma famosa cronologia egípcia, admitiu a existência de uma Era de Ouro ou de reis divinos, embora mais recuada no tempo. Mas quem eram eles? De onde vieram?"
(A. Lemgrubber do Amaral - Do Egito aos Monumentos de Marte)


Sim, concordamos plenamente - em gênero, número e grau - com essas palavras do notável autor. E dentre as portentosas marcas deixadas por esses grandes iniciadores da humanidade estão exatamente as pirâmides, espalhadas por todas as partes do mundo. Acima, você duas imagens simplesmente notáveis. As três da esquerda certamente já conhece, pois estão situadas no Planalto de Gizé, no Egito. E as da direita..... NA CHINA, em uma região inabitada e cujo acesso é rigorosamente proibido pelo governo daquele país! O mais notável de tudo é que as três maiores estão rigorosamente alinhadas com a mesma disposição daquelas do Egito - que, por sinal, representam o alinhamento da Constelação de Órion!!!


Não há mesmo como negar as evidências! Também na China, precisamente em Xijiang, esse estranho objeto não-identificado foi encontrado no interior de uma rocha datada de milhões de anos - ou seja, o objeto foi envolvido por ela quando ainda em processo de formação! Trata-se de um misterioso artefato elaborado em um metal DESCONHECIDO NA TERRA. Em outras palavras, VEIO DE "FORA"!


Outra estranha "coincidência": os famosos "objetos de culto pré-colombianos", encontrados em profusão nas ruínas da América do Sul, guardadas as devidas proporções se parecem extraordinariamente com as modernas aeronaves, não?.....


..... Pois é, está provado que eles retratam mesmo aeronaves desconhecidas! Engenheiros aeronáuticos e cientistas que não concordam a terminologia genérica e comodista "objetos de culto", resolveram criar réplicas desses seculares artefatos "pré-colombianos" e chegaram à espantosa conclusão de que os antigos povos retrataram exatamente aquilo que VIRAM nos céus - AERONAVES ESPANTOSAMENTE AERODINÂMICAS E SOFISTICADAS, muito semelhantes às do Século XXI e cujos modelos que esses cientistas criaram EFETIVAMENTE VOARAM!!!!


Misteriosa Floresta Amazônica Brasileira, certamente a detentora dos mais espantosos segredos, guardados há quem sabe muitos milhões de anos! Veja o que essa foto de satélite descobriu nos confins inexplorados e hostis daquela imensa floresta!..... (FOTO: © TerraMetrics - Google, por especial cortesia do nosso estimado visitante Eurico)


...... Algo que não se trata de um lago, nem mesmo de uma região afetada por incêndios. Veja na respectiva ampliação e tire, então, as suas próprias conclusões. Parece a representação de um rosto, ou então a de uma muito estranha criatura!


Mas não só na vastidão das selvas e dos desertos, pois até mesmo nas proximidades das grandes cidades também surgem muitos outros intrigantes enigmas; basta apenas e tão-somente enxergá-los: Giovani, nosso estimado visitante residente em Canudos do Vale, no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil, gentilmente nos enviou essa colaboração. Nos arredores daquela cidaade, uma enorme rocha contendo um bizarro rosto esculpido, além de ostentar misteriosas inscrições!.....


...... Aqui, vemos uma outra tomada mostrando na elipse a área em que se situam os estranhos hieróglifos......


...... E aqui, uma ampliação do intrigante conjunto, o qual é certamente muito antigo, obra de uma desconhecida civilização, bem como demarcaria alguma coisa muito importante nas proximidades! A boca da estranha criatura retratada sugere a entrada para uma caverna, ou uma câmara, selada.


Por todas as partes do nosso pequeno - e no entanto ainda muito desconhecido planeta - existem as marcas de um passado extremamente remoto e nebuloso. Na foto, você vê parte de um imenso painel rochoso contendo ao que parece uma estranha forma de escrita (?), elaborada em relevo. Tal descoberta foi efetuada nos EUA, precisamente no topo da Montanha Mowbray, uma extensão do Platô Cumberland, em Tennessee.


O que, aliás, não representa novidade alguma, uma vez que estranhas marcas semelhantes àquela mostrada na foto anterior são encontradas em vários pontos do nosso planeta. E se não forem desconhecidas inscrições, uma coisa é certa: não são absolutamente formações geológicas naturais. Seriam, então, marcas deixadas pelas aterrissagem de naves alienígenas? Quem sabe? Não duvidemos disso!


A Esfinge, onde quer que se encontre, será sempre a misteriosa e enigmática marca dos Antigos Iniciadores da humanidade! Veja, por exemplo, mais uma delas postada no litoral da Ilha de Yonaguni, Japão. Elas sempre demarcariam alguma coisa muito especial do passado? SIM; e nesse caso em particular não poderia ser de outra forma:


Estamos falando do portentoso complexo de ruínas submersas de Yonaguni, obra de uma desconhecida civilização do passado remoto, ainda hoje sendo explorado pelos perplexos arqueólogos. A representação esquemática acima diz: - "O monumento repousa a 750 pés (cerca de 229metros!) abaixo da superficie da ilha de Yonaguni, a 250 milhas a oeste de Okinawa"! Nada, portanto, é desprovido de significado.


Chocante, não? Mas vamos agora para lugares mais "altos" e igualmente muito misteriosos: Uma recente foto da Lua nos mostra algo bastante estranho: essa região escura é verdadeiramente inusitada, porém o que parece muito mais inusitado ainda é aquilo que se vê bem ao seu lado direito..... Uma espécie de escadaria! Seria uma formação natural? De maneira alguma!


E também na misteriosa região marciana de Cydonia, recentes imagens nos mostram outras bizarras curiosidades. Aqui temos o que parece se tratar das ruínas de OUTRO colossal rosto fitando o espaço sideral. E, bem ao centro dele, encontramos mais um insólito rosto, porém em menor escala!.....


...... Ei-lo, em maior aproximação do detalhe.


E ainda em Marte, o satélite da ESA (Agência Espacial Européia) nos mostra, ao centro, uma região altiplana que parece ostentar antigas pirâmides. E logo ao lado direito dela, temos uma espécie de muralha!


E aqui temos uma foto, dessa feita tomada sobre a superfície do longínquo planeta Vênus. Parece se tratar de estruturas artificiais? Sim, e o que mais chama a atenção é precisamente a existência de um enorme triângulo, logo abaixo da região central da imagem - algo que, por sua vez, dificilmente poderia se tratar de uma formação natural! E não sendo formações naturais, e considerando-se que (teoricamente) Vênus nunca foi habitado, QUEM AS TERIA ELABORADO senão uma raça cósmica que viaja pelo espaço sideral deixando as suas marcas espalhadas pelos diversos mundos nele existentes, inclusive na nossa pequena Terra?







Total de visualizações de página

Página FaceBook